Motorista fura bloqueio e atropela estudantes durante manifestação em Simões Filho

Pelo menos dois jovens ficaram feridos após um motorista atropelar estudantes.

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


Pelo menos três jovens ficaram feridos após um motorista atropelar estudantes durante um ato na Avenida Elmo Cerejo de Farias, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na manhã desta quarta-feira (9/8). O grupo fechou a pista na altura do Ginásio de Esportes, no Bairro Cia 1 e liberou a via cerca de uma hora depois. A manifestação denuncia as péssimas condições do Colégio Estadual de Aratu. Entre as reivindicações feitas pela comunidade escolar, estão a reforma da escola.

Quando o veículo, uma S10 prata, chegou no local da interdição, os manifestantes já haviam ocupado a pista. O motorista tentou avançar, mas o veículo foi cercado. Ele então engata marcha e em seguida arranca sobre os manifestantes. Populares registraram o momento do atropelamento.

Os jovens atropelados sofreram arranhões e ferimentos. Uma menina desmaiou, e outros dois estudantes tiveram que ser socorridos para Unidade de Pronto Atendimento – UPA.

O motorista que se envolveu no atropelamento foi perseguido pela Polícia Militar e conduzido para a 22ª Delegacia Territorial de Simões Filho onde presta depoimento. A identidade do motorista ainda não foi revelada pela polícia, no entanto, os alunos acusam um ex-candidato a vereador do município te der cometido o atropelamento.

Protesto

O grupo de manifestantes tinha cerca de 300 pessoas e seguiu até o centro da cidade após um ato contra as más condições do Colégio Estadual de Aratu. Eles fecharam a avenida Elmo cerejo de Farias, no nos dois sentidos. A pista foi liberada às 9h30.