Após morte de Aldo, população de Simões Filho se pergunta: Onde vamos parar?

Autor: Página Simões Filho

Publicada em


Resultado de imagem para Aldo simoes filho

O cidadão batalhador  Adroaldo Souza dos Santos, o popular Aldo, morreu aos 42 anos, por volta das 19h da noite desta quinta-feira (06), após três meses de luta pela vida em uma UTI do Hospital Geral, em decorrência de um assalto a seu estabelecimento comercial, quando foi baleado ao reagir a mais uma ação criminosa de marginais que tentaram roubar uma moto em plena luz do dia, na principal praça da cidade, a Praça da Bandeira, no último dia 20 de janeiro.

Diante de mais um caso  de violência, a população se pergunta: Até quando?

Aldo foi mais um que enquanto trabalhava, na batalha pelo pão de cada dia, foi surpreendido por meliantes que acreditam na letargia das autoridades.

É oportuno questionar qual a condição do sistema de monitoramento por câmeras, instaladas pela cidade?

Veja a cobertura completa sobre o caso Aldo. Clique aqui.

*Do Página Simões Filho – Mário Luiz Nobre

Quer saber mais notícias de Simões Filho? Clique aqui