Antecipação do auxílio-doença será paga até 31 de dezembro pelo INSS

Antecipação do auxílio-doença será paga até 31 de dezembro pelo INSS
Antecipação do auxílio-doença será paga até 31 de dezembro pelo INSS. Reprodução

Antecipação do auxílio-doença será paga até 31 de dezembro pelo INSS

A antecipação do auxílio-doença, de R$ 1.045, será paga aos segurados do INSS respeitando o prazo estipulado no atestado médico, mas não pode ultrapassar o dia 31 de dezembro de 2020, quando acaba o estado de calamidade pública decorrente da pandemia da Covid-19.

>INSS inicia cadastramento de empresas para realizar teleperícias

De acordo com portaria publicada nesta terça (3) pela Secretaria de Previdência e Trabalho e pelo INSS, a antecipação de um salário mínimo mensal será devida pelo período definido no atestado médico, limitado a até 60 dias, observado o prazo-limite estabelecido.

Quem precisar estender o afastamento poderá pedir a prorrogação e o benefício definitivo 15 dias antes do fim do pagamento. A perícia será presencial.

>Atraso concessão Pensão por morte no INSS é reclamado por Segurada.

​Prorrogação

O INSS prorrogou para 30 de novembro o prazo para trabalhadores solicitarem a antecipação de R$ 1.045 do auxílio-doença.

As antecipações de benefícios foram autorizadas por lei em abril deste ano, pois as perícias necessárias para as concessões tinham sido interrompidas devido à pandemia de Covid-19.

Com a retomada das perícias médicas em setembro, a antecipação de valores passou a ser opcional.

No caso dos trabalhadores cuja média salarial garante um auxílio-doença acima do salário mínimo —R$ 1.045, neste ano—, o crédito da diferença ocorre após a comprovação da incapacidade.

Na semana passada, o INSS começou a depositar as diferenças que resultaram de uma revisão em 1,1 milhão de benefícios antecipados até 2 de julho.

>Trabalhador deve atualizar aplicativo para reagendar perícia do INSS

Como pedir o adiantamento

Para solicitar a antecipação do auxílio-doença o segurado deve enviar, pelo Meu INSS:

  • Declaração de responsabilidade pelos documentos apresentados
    Atestado médico

O atestado médico deverá ser legível e sem rasuras e deverá conter as seguintes informações:

  • Assinatura e carimbo do médico, com registro do CRM (Conselho Regional de Medicina)
  • Informações sobre a doença ou a respectiva numeração da CID (Classificação Internacional de Doenças)
  • Prazo estimado do repouso necessário

>Fila do INSS tem 1,8 milhão de pedidos de benefícios aguardando resposta

O atestado será analisado pelos peritos em trabalho remoto

  • Quem tiver direito a receber mais de R$ 1.045 de benefício terá as diferenças pagas após passar em perícia presencial
  • É possível pedir a prorrogação da antecipação do auxílio com base no período de repouso informado no atestado médico anterior ou solicitar novo requerimento mediante apresentação de novo atestado médico
  • A prorrogação da antecipação é limitada a 60 dias

>Aprenda como agendar a perícia e garantir os atrasados no INSS

Agende sua perícia

Pelo site Meu INSS

  • Acesse https://meu.inss.gov.br/
  • Entre com login e senha
  • Clique em “Agendar Perícia”
  • Selecione o seu caso: Perícia inicial (para quem fará a solicitação pela primeira vez); Perícia de prorrogação (se já recebe o benefício e ainda não tem condições de retornar ao trabalho); Remarcar perícia (caso não possa comparecer no dia e hora agendados ou não tenha sido atendido pelo perito)
  • Selecione agência, dia e horário
  • Acompanhe o pedido em “Agendamentos/Solicitações”

>Veja o que fazer antes de solicitar o pedido de aposentadoria do INSS

Atenção! O pedido de prorrogação deve ser solicitado nos últimos 15 dias de afastamento. Se perder o prazo, o trabalhador terá que fazer a solicitação de um novo benefício

Pelo aplicativo Meu INSS

Baixe a última versão do aplicativo “Meu INSS ““ Central de Serviços” ou atualize na Google Play, para celulares Android, na Apple Store, para aparelhos iOS (Apple)

>Quem pode antecipar auxílio doença e BPC sem fazer perícia médica do INSS

Pelo telefone 135

Perícia domiciliar ou hospitalar

Após concluir o agendamento, o representante do periciado deverá ir à agência selecionada, na data e hora marcados, com a documentação que comprove a impossibilidade de locomoção ou do comprovante de internação hospitalar, além dos demais documentos de identificação do periciado, para receber a autorização de perícia domiciliar ou hospitalar

  • Selecione a opção “Agendar Perícia”
  • Clique na perícia desejada
  • Siga as orientações e conclua o agendamento
  • Escolha a opção “Falar com o atendente”
  • Opte pelo tipo de perícia que precisa
  • Siga o que for pedido
  • Faça o agendamento

>Veja quanto você vai receber de aposentadoria do INSS em 2021

Veja as agências abertas com peritos

  • Acesse o site https://covid.inss.gov.br/
  • Clique no canto esquerdo em “Mapa de agência abertas”
  • Selecione o seu estado
  • Confira a agência mais próxima com atendimento médico pericial, elas estão destacadas em círculos amarelos

Veja mais