Ao contrário do que diz propaganda da prefeitura, bairros de Simões Filho continuam às escuras

Autor: Redação e Débora Souza

Publicada em



Ao contrario do que mostra a propaganda da Prefeitura Municipal de Simões Filho, a Praça da Bíblia e alguns bairros da cidade, continuam com lâmpadas apagadas. Ao oitavo mês da nova gestão, a escuridão das ruas é um problema que tem se agravado dia após dia.

Publicidade da Prefeitura – A propaganda da prefeitura mostra uma realidade bem diferente da que a população vive atualmente.

A população paga taxa de iluminação publica mensalmente (CIP – Taxa de Contribuição para Iluminação Pública), mas a realidade, no entanto, mostra uma situação insustentável que tem revoltado os simõesfilhenses.

A Praça da Bíblia localizada no centro da cidade, mais  diversos bairros da cidade estão com os postes com luminárias quebradas e lâmpadas com baixo poder de iluminação ou queimadas. Uma situação muito atraente para ação dos bandidos.

A rotina das pessoas que saem para trabalhar ainda na madrugada, e dos universitários que chegam das faculdades se torna cada vez mais complicada, pois eles têm que enfrentar a escuridão e os riscos para chegarem as suas casas.

Moradores afirmam que várias reclamações são registradas na Prefeitura, e que a escuridão tem causado muitos transtornos aos moradores que transitam a noite pelos Bairros.

“Em um uma única rua tem três postes que as lâmpadas estão queimadas, os vizinhos por medo da insegurança se uniram, improvisaram e colocaram uma lâmpada dessas que usamos dentro de casa, para aliviar os transtornos que essa falta de iluminação está causando”, disse Manoela.

“Aqui em Santo Antônio não tem nada, muito menos iluminação. Colocaram 950 famílias aqui e nada é feito. Parecendo um monte de cachorro abandonado”, afirmou Cátia, moradora.

“A Rua da Granja na Pitanguinha Nova, não tem iluminação nenhuma. É uma vergonha pra gente. Correndo risco de ser Assaltado, ou até outras coisas”, disse Leonardo.

Há registro de ruas sem iluminação nos bairros: Cia 1, Pitanguinha, Cristo Rei, Pitanga Nova, Ilha de São João, Vida Nova, Cia 2, Eucalipto, Pitanguinha Velha, Parque Continental, Simões Filho 1, Santo Antonio Rio das Pedras, KM 25, Pinicão, Jardim Renatão, Cesar Borges, Ponto Parada, Barreiro, Goes Calmon, entre outros. As informações foram colhidas por meio de um levantamento na Pagina Oficial do Simões Filho Online no Facebook.

O Simões Filho Online tentou contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Simões Filho, mas o órgão não atendeu as ligações.

VEJA MAIS NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO