Aposentado e pensionistas do INSS receberão segunda parcela do 13º antes do Natal

Aposentados e pensionistas do INSS em todo o país começarão a receber a segunda parte do abono anual, conhecido como 13º, antes do Natal. O depósito da gratificação será realizado junto com a folha de pagamentos mensal do INSS que começa a ser depositada no final de novembro e se estende até o inicio de dezembro. [Confira mais abaixo as datas de pagamento da segunda parcela do 13º.]

Os primeiros a receber são os que ganham até um salário mínimo (R$ 998, em 2019). Quem ganha acima do piso nacional receberá dias depois.

Mais de 30 milhões de benefícios receberão a segunda parte do abono anual que corresponde a 50% do valor do 13º e representa uma injeção extra na economia de pelo menos R$ 25 bilhões, o que deve aquecer o Natal e o ano Novo.

É importante informar que a primeira parte do abono foi antecipada entre os meses de agosto e setembro. O pagamento desta segunda parte do abono virá com o desconto de Imposto de Renda (IR).

Beneficiários com salário mínimo (R$ 998,00)

  • Final 1 – Data: 25/11
  • Final 2 – Data: 26/11
  • Final 3 – Data: 27/11
  • Final 4 – Data: 28/11
  • Final 5 – Data: 29/11
  • Final 6 – Data: 02/12
  • Final 7 – Data: 03/12
  • Final 8 – Data: 04/12
  • Final 9 – Data: 05/12
  • Final 0 – Data: 06/12

Beneficiários com salário superior à R$ 998,00

  • Final 1 e 6– Data: 02/12
  • Final 2 e 7 – Data: 03/12
  • Final 3 e 8 – Data: 04/12
  • Final 4 e 9 – Data: 05/12
  • Final 5 e 0 – Data: 06/12

Quem pode receber?

Se você se enquadra em uma das opções abaixo, poderá ser beneficiário por lei do pagamento do 13° salário:

  • Salário Maternidade
  • Auxílio-Reclusão
  • Auxílio-Acidente
  • Auxílio-Doença
  • Aposentadoria
  • Pensão por morte

Qual o valor a ser pago?

O INSS pagará 50% do valor total, no entanto, pessoas que começaram a receber o benefício a partir de janeiro deste ano, por data temporária, receberá o valor proporcional. Para estes, o cálculo é realizado multiplicando o valor do benefício pela quantidade de meses em que recebeu no ano, em seguida, dividir por 12. Para saber a quantia paga na primeira parcela, divida o valor final por 2.

Para explicar melhor deixamos o exemplo abaixo:

  • 900 (Valor do benefício)x11 (quantidade de meses até dezembro) = 900
  • 900/12 = 825 (Valor total do 13º)
  • 825/2 = 412,50 (Primeira parcela)

Já o pagamento da segunda parcela ocorrerá juntamente com o benefício de novembro de acordo com o decreto presidencial. O prazo para recebimento será de 26 de novembro a 7 de dezembro, conforme a numeração do beneficiário, assim como o pagamento da primeira parcela.

Veja mais