Bebê é internado com suspeita de coronavírus na Bahia; criança esteve na Itália

Autor: Aratu On

Publicada em


Bebê é internado com suspeita de coronavírus na Bahia; criança esteve na Itália

Bebê é internado com suspeita de coronavírus na Bahia; criança esteve na Itália.

Um bebê de um ano foi internado, nesta terça-feira (25/2), no Hospital Manoel Novais, em Itabuna, sul da Bahia, com suspeita de coronavírus. O caso foi confirmado pela Secretaria da Saúde da Bahia.

De acordo com a Sesab, a criança, que chegou na cidade há cerca de 12 dias após retornar de uma viagem pela Itália, está internada em isolamento com sintomas respiratórios. Amostras de secreção respiratória estão sendo coletadas para realização de exames específicos no  Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), segundo orientação do Ministério da Saúde.

Esses exames serão processados conforme protocolo internacional, através de exame PCR para Influenza e outros vírus respiratórios. As amostras negativas serão enviadas ao Laboratório de Referência Estadual (FIOCRUZ – RJ) para identificação do Coronavírus.

A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna se manifestou sobre o caso por meio de nota. Confira na íntegra:

“A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna informa que existe um caso suspeito de Coronavírus que esteve recentemente na Itália. A criança encontra-se internada no Hospital Manoel Novaes, isolada dos demais pacientes, bem como os seus genitores.A vigilância epidemiológica já esteve hoje no hospital e colheu os exames necessários, mas segundo a direção técnica do hospital, a criança passa bem. O hospital mantém as suas atividades de rotina tranquilamente e todos os funcionários estão orientados, trabalhando devidamente paramentados.”

Na terça (25/2) o primeiro caso de infecção pelo vírus no Brasil foi confirmado em São Paulo. O paciente de 61 anos regresso ao país no último dia 21 depois de uma viagem a Lombardia, no Norte da Itália. Após apresentar os sintomas típicos da doença  tosse seca, febre, dor de garganta e coriza. ele esteve internado no Hospital Israelita Albert Einstein, onde foi confirmado o contágio. Ele já foi liberado e deve ficar isolado em quarentena pelos próximos 14 dias na casa onde vive.

O Ministério da Saúde, informou ainda que o exame específico para SARS-CoV2, apontou o resultado como positivo. Porém, é necessária uma contraprova feita pelo Instituto Adolfo Lutz. O resultado definitivo deve sair nesta quarta-feira (26/2).

Fonte: Aratu On