Bolsa Família pode pagar até R$ 372; veja quem tem direito a esse valor

Foto: Ana Nascimento/MDS

Muitas pessoas tem dúvidas em relação aos valores pagos pelo Bolsa Família. Por isso, confira os tipos de benefícios que são oferecidos pelo governo por meio do Programa.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, o Bolsa Família possui quatro faixa de benefícios: benefício “Básico”; o “Variável”; o “Variável Jovem” e “Benefício para Superação da Extrema Pobreza”.

Mais o que muita gente não sabe é que, segundo a Caixa, as famílias em situação de “extrema pobreza” podem acumular o benefício “Básico”, o “Variável” e o “Variável Jovem”,  e poderá receber até R$ 372,00 por mês. Como também, podem acumular 1 (um) benefício para Superação da Extrema Pobreza. Leia todos os detalhes e saiba se você tem direito.

LEIA MAIS: Novos saques do Bolsa Família estão liberados, valores variam de R$ 41 a 372

Tipos de benefícios

  • Benefício Básico

Concedido às famílias em situação de extrema pobreza (com renda mensal de até R$ 89,00 por pessoa). O auxílio é de R$ 89,00 mensais.

  • Benefício Variável

Destinado às famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza que tenham em sua composição gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes de 0 a 15 anos. O valor de cada benefício é de R$ 41,00 e cada família pode acumular até 5 benefícios por mês, chegando a R$ 205,00.

  • Benefício Variável Jovem:

Destinado às famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza e que tenham em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos. O valor do benefício é de R$ 48,00 por mês e cada família pode acumular até dois benefícios, ou seja, R$ 96,00.

Benefício para Superação da Extrema Pobreza:

Destinado às famílias em situação de extrema pobreza. Cada família pode receber um benefício por mês. O valor do benefício varia em razão do cálculo realizado a partir da renda por pessoa da família e do benefício já recebido no Programa Bolsa Família.

Receber até R$ 372 mensal

Como já informamos no inicio, as famílias em situação de extrema pobreza podem acumular o benefício Básico, o Variável e o Variável Jovem, até o máximo de R$ 372,00 por mês. Como também, podem acumular 1 (um) benefício para Superação da Extrema Pobreza.

Como receber esse valor?

Caso esteja inscrito no programa e seu perfil atenda aos requisitos de renda para receber os três benefícios que podem chegar a até R$ 372,00 por mês, procure o setor responsável pelo Programa Bolsa Família na prefeitura de sua cidade e solicite a revisão.

Vale informar que se você atende aos requisitos de renda e não esteja inscrito no Bolsa Família, você também pode procurar o setor responsável pelo Programa na prefeitura de sua cidade para se inscrever no Cadastro Único.

Requisitos para entrar no Programa:

  • Inclusão da família, pela prefeitura, no Cadastro Único dos Programas Sociais do ​Governo Federal;
  • Seleção pelo Ministério do Desenvolvimento Social;
  • No caso de existência de gestantes, o comparecimento às consultas de pré-natal, conforme calendário preconizado pelo Ministério da Saúde (MS);
  • Participação em atividades educativas ofertadas pelo MS sobre aleitamento materno e alimentação saudável, no caso de inclusão de nutrizes (mães que amamentam);
  • Manter em dia o cartão de vacinação das crianças de 0 a 7 anos;
  • Acompanhamento da saúde de mulheres na faixa de 14 a 44 anos;
  • Garantir frequência mínima de 85% na escola, para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos, e de 75%, para adolescentes de 16 e 17 anos​

As informações contidas nesta matéria podem ser encontradas no site da Caixa Econômica Federal

Veja mais