Cadastro Único: 21 benefícios que os inscritos têm direito e não sabem

O Cadastro Único tem sido utilizado cada vez mais como a porta direta para os cidadãos serem beneficiados por diversos programas sociais. Segundo o Ministério da Cidadania, esta é uma forma de integrar os esforços de todas as esferas governamentais no enfrentamento da pobreza e na contribuição para aperfeiçoar a gestão dos programas. A reportagem elaborou uma relação composta por 20 programas que são disponibilizados para os inscritos que você poderá conferir no final da matéria.

É através do Cadastro Único que as famílias são identificadas e caracterizadas como de baixa renda. Quando elas fornecem as informações como: características da residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras para serem registradas no cadastro permite que o governo conheça melhor a realidade socioeconômica dessa população.

O Cadastro Único é de responsabilidade entre o governo federal, os estados, os  municípios e o Distrito Federal, onde o Ministério da Cidadania é o administrador responsável, e o banco da Caixa Econômica Federal é o gente operador que mantém o sistema.

Confira abaixo os principais programas que oferecem benefícios aos inscritos no Cadastro Único:

1- Telefone Popular

  • Com este programa, as famílias tês acesso a uma linha fixa de telefone, com desconto na assinatura mensal e franquia de até 90 minutos para chamadas. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui

2- Isenção de Taxa de Inscrição em Concursos Públicos

  •  As famílias  podem solicitar a Isenção de pagamento de taxa de inscrição em concurso público. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

3- Programas Cisternas

  • Este permite que as famílias tenham acesso a tecnologias sociais de captação de água da chuva. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

4- ID Jovem

  • Jovens entre 15 e 29 anos têm acesso aos benefícios de meia-entrada em eventos artístico-culturais e outras vantagens.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

5- Água Para Todos

  • Garante acesso à água para populações rurais dos municípios do Semiárido brasileiro que vivem em situação de extrema pobreza. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

6- Bolsa Verde

  • As famílias extremamente pobreza que vivem em áreas de reservas ambiental recebem benefício financeiro.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

7- Bolsa Família

  • Neste programa famílias recebem mensalmente uma quantia em dinheiro. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

8- Tarifa Social de Energia Elétrica

  • Este programa oferece desconto na conta de energia às famílias com renda de até meio salário mínimo por pessoa. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

9- Minha Casa, Minha Vida

  • Este é um programa que auxilia as famílias de baixa renda na compra da casa própria ao facilitar as condições de financiamento. Para maiores informações procure a Caixa.

10- Carteira do Idoso

  • Com a carteira do idoso você pode viajar de graça em transporte coletivo, como ônibus, trem e barco. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

11- Auxílio Emergencial Financeiro

  • Benefício que o governo federal oferece para famílias de agricultores familiares com renda mensal de até dois salários mínimos. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

12- Programa Fomento

  •  Programa que garante o acesso a serviços de assistência técnica e de extensão rural à população de áreas rurais.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

13- Programa Nacional de Reforma Agrária

  • Programa que melhora a distribuição da terra, para atender os princípios de justiça social, desenvolvimento rural sustentável e outros.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

14- Programa Nacional de Crédito Fundiário

  • Este é complementar à Reforma Agrária. Oferece financiamento para que os trabalhadores rurais sem terra ou com pouca terra possam comprar imóvel rural. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

15- Crédito de Instalação

  •  Concessão de crédito financeiro aos beneficiários da Reforma Agrária para que as famílias possam se instalar na terra e adquirir itens de primeira necessidade.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

16- Carta Social

  • As famílias podem postar cartas com tarifa de R$ 0,01 (um centavo). O peso da carta deve ser de, no máximo, dez gramas. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

17- Serviços Socioassistenciais

  • Um conjunto de serviços destinados à superação de situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza ou da falta de acesso a serviços públicos. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

18- Programa Brasil Alfabetizado

  • Oferta a escolaridade àquelas pessoas que não frequentaram ou não tiveram acesso à escola na idade adequada.Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

19- Programa Erradicação do Trabalho Infantil (Peti)

  •  Oferece um conjunto de ações que têm o objetivo de retirar crianças e adolescentes menores de 16 anos do trabalho precoce. Para saber mais acesse aqui.

20- Enem  (Exame Nacional do Ensino Médio)

  • As famílias também poder ter o benefícios de fazer a prova do Enem que avalia a qualidade do ensino médio sem pagar a taxa. Mais informações sobre o Enem são fornecidas aqui.

21 – Benefício de Prestação Continuada

  • Benefício prestado pelo INSS que consiste em uma renda de um salário-mínimo para idosos e deficientes que não possam se manter e não possam ser mantidos por suas famílias. Mais informações podem ser conferidas acessando aqui.

Como se inscrever?

De acordo com o Governo Federal, os interessados em se inscrever deve se dirigir ao setor responsável pelo Cadastro Único na Prefeitura de sua cidade ou mesmo a um Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo de sua casa. Elas devem levar documentos de identificação como RG, CPF e título de eleitor para realizar o cadastramento da família.

Entretanto, vale ressaltar que o cadastramento não significa a inclusão automática em programas sociais. Os programas usam as informações do Cadastro Único, mas são gerenciados por outros órgãos. Conforme o governo, a seleção e o atendimento da família acontecem de acordo com critérios e procedimentos definidos pelos gestores e pela legislação específica de cada um deles.

Veja mais