Deputado do PT pode ser preso pelo Supremo Tribunal Federal

Autor: Débora Souza

Publicada em


O deputado federal Luiz Caetano (PT) será julgado pelo STF e se condenado pode pegar uma pena de até 11 anos de prisão. O processo contra ele foi remetido para Brasília pela Justiça Federal da Bahia  no dia 15 de agosto. Ele é acusado de superfaturamento e fraude em licitação da obra na linha do trem de Camaçari, que provocou um rombo de mais de R$ 2. 105.000,00 (dois milhões, cento e cinco mil reais) nos cofres públicos.

 

Caetano foi denunciado pelo Ministério Público Federal na Bahia, mas por ser deputado federal,   só pode ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). No entanto o que poderia ser considerado um beneficio,  pode se transformar-se  em um agravante, pois o STF atualmente está julgando rápido e prioritariamente processos envolvendo políticos acusados de corrupção. O que pode acelerar a sua sentença.

O processo que pede a prisão de Caetano e mais duas pessoas,  é resultado de uma investigação que teve origem na Superintendência da Polícia Federal em Salvador. Os acusados ainda não se manifestaram sobre a chegada do processo ao Supremo.

Clique aqui e veja mais no PDF sobre o processo