Caixa libera novo saque do Auxílio Emergencial para 3,4 milhões de beneficiários

Caixa libera novo saque do Auxílio Emergencial para 3,4 milhões de beneficiários
Caixa libera novo saque do Auxílio Emergencial para 3,4 milhões de beneficiários

Caixa libera novo saque do Auxílio Emergencial para 3,4 milhões de beneficiários.

A Caixa Econômica Federal liberou hoje (18/01) as operações de saques e transferências de parcelas do auxílio emergencial e auxílio emergencial extensão para 3,4 milhões de pessoas nascidas em agosto.

>>INSS: prazo para recorrer de auxílio-doença negado está acabando

Esses beneficiários tiveram o dinheiro creditado na poupança social digital nos ciclos 5 e 6 de pagamentos do programa, no total de R$ 2,4 bilhões. Agora, quem ainda tiver recursos na conta poderá sacar nas lotéricas, correspondentes Caixa Aqui ou mesmo nas agências.

Para o saque em espécie, é preciso fazer o login no aplicativo Caixa Tem, selecionar a opção “saque sem cartão” e “gerar código de saque”. Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, com validade de uma hora. Esse código deve ser utilizado para a retirada do dinheiro.

>>Governo Federal disponibiliza curso online para o Programa Criança Feliz

Além disso, é possível movimentar ou transferir os recursos para contas em outros bancos por meio do aplicativo Caixa Tem. Com ele ainda é possível fazer compras na internet e nas maquininhas em diversos estabelecimentos comerciais, por meio do cartão de débito virtual e QR Code. O beneficiário também pode pagar boletos e contas, como água e telefone, pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas.

>>INSS: prazo para recorrer de auxílio-doença negado está acabando

O calendário do auxílio emergencial foi organizado em seis ciclos de crédito em conta poupança social digital e de saque em espécie, de acordo com o mês de nascimento. Em dezembro, a Caixa encerrou a etapa de pagamentos em conta. Já a liberação das operações de transferências e saques acontece até 27 de janeiro.

Veja mais