Calendário de saques do FGTS será divulgado pela Caixa

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


Os 18,6 milhões de trabalhadores que possuem saldo em contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) poderão sacar os recursos. O calendário de pagamento deve ser baseado no mês de aniversário do trabalhador, assim como é feito com o PIS. A Caixa propôs que a retirada do dinheiro seja feita entre fevereiro até julho.

De acordo com dados oficiais, há atualmente 18,6 milhões de contas inativas há mais de um ano, com saldo total de R$ 41 bilhões. A estimativa do governo é que 70% das pessoas com direito ao saque procurem a Caixa para ter acesso aos saldos das contas. Para os defensores da ideia, os saques não vão causar impacto significativo no saldo do FGTS, que é da ordem de R$ 380 bilhões.

Pelas contas do Planalto, a liberação do saque das contas inativas pode injetar R$ 30 bilhões na economia. Ou seja, além de benefício aos trabalhadores, seria medida importante para a recuperação econômica do País.

Uma conta inativa é aquela onde você recebeu o FGTS de um contrato de trabalho que foi finalizado. E, em breve, milhões de trabalhadores poderão sacar o saldo de suas contas inativas em que o contrato encerrou até 31/12/2015. Consulte se você tem direito ao benefício e prepare-se para aproveitar.

O que você precisa saber?

Quem pode sacar

Trabalhadores que tenham uma conta inativa encerrada até 31/12/2015.

 

 Como saber se a conta é inativa

Basta consultar seu extrato e verificar se a data de afastamento é anterior a 31/12/2015.

 

Quando você pode sacar

O calendário de saques do FGTS será divulgado em fevereiro de 2017.

 

Onde sacar

Os locais para saque de contas inativas do FGTS serão divulgados a partir de fevereiro de 2017.

Como consultar o seu FGTS

A consulta do saldo pode ser feita tanto nas agências da Caixa Econômica, como também pelo site do banco. O trabalhador pode consultar seu extrato do FGTS presencialmente no balcão de atendimento ou fazer a consulta utilizando o Cartão Cidadão, desde que tenha em mãos a senha. Só não é possível consultar o extrato do FGTS pelo telefone.

Na internet, é preciso informar o NIS (PIS/Pasep), que pode ser consultado na carteira de trabalho, e usar uma senha cadastrada pelo próprio trabalhador. É possível usar também a Senha Cidadão. Para consultar seu saldo do FGTS, clique aqui