Caso Eva Luana: após prisão por abusos, defesa pede habeas corpus de padrasto

Autor: Redação

Publicada em


Do Aratu Online, parceiro do Simões Filho Online

Thiago Oliveira Alves, de 38 anos, contratou três advogados particulares para a defesa contra as acusações da enteada, Eva Luana, de 21 anos, de abusos e torturas contra ela e mãe por oito anos. Ele estava preso desde o último dia 13 na Penitenciária Lemos de Brito, no bairro da Mata Escura. O processo penal encontra-se em segredo de justiça.

Segundo uma fonte, que não quer ser identificada, há a possibilidade do acusado ser solto por falta de provas. A defesa de Thiago estava sob a responsabilidade da Defensoria Pública do Estado da Bahia. A nova defesa também pediu uma nova vistoria do caso.