Com a chegada das festas juninas, cuidado com os fogos deve ser redobrado

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


A orientação mais importante é: crianças não devem manipular fogos de artifício. A segunda é que queimadura deve ser lavada apenas com água corrente, sem sabão, e a vítima deve ser levada imediatamente a uma unidade de saúde, para avaliação médica. As dicas são do médico Antônio Carlos Assunção, diretor técnico do Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ), que conta com uma Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ), referência do interior da Bahia.

Com o tema ‘O descuido dura um instante, as marcas, toda a vida’, o HRSAJ, realiza, durante todo o mês de junho, uma campanha de conscientização pelo Dia Nacional de Luta contra Queimaduras, celebrado no dia 6 de junho. De acordo com o diretor do Hospital, normalmente, as queimaduras acontecem com crianças e adultos jovens. “É importante lembrar que, na unidade de saúde, o médico dará as orientações devidas para cada caso. Vamos esquecer a tradição da bisavó e tratar isso de modo atual”, destacou Antônio Carlos.

O médico contraindica a manipulação de qualquer tipo de fogos de artifício por crianças. “Os mais perigosos são as bombas, pois elas provocam, além das queimaduras, mutilações por explosão, lesões extremamente graves que podem ocasionar na perda dos membros”.

Em Salvador, a referência na área é o Hospital Geral do Estado (HGE), que possui o maior centro de queimados da Bahia, inaugurado em 2016. A unidade especializada, que possui 28 leitos de internamento e mais quatro de UTI, é um dos poucos equipamentos no país dotados de centro cirúrgico e UTI próprios. O HGE também é referência no setor de cirurgia de mãos, que podem ser atingidas, especialmente, por acidentes com bombas.

O Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus segue os protocolos do Hospital Geral do Estado e, por estar localizado no Recôncavo, região conhecida pela tradição de guerra de espadas, registra um aumento considerável no número de atendimentos nesta época do ano. Esta semana, já houve um aumento de cerca de 5% no número de queimados, por conta dos festejos juninos. A Unidade de Tratamento de Queimados do equipamento no interior possui 21 leitos de internamento, salas de curativo e de balneoterapia, conta com equipe multiprofissional e dispõe de alta tecnologia para curativos de ponta e alta precisão. O local atende pacientes da microrregião de Santo Antônio de Jesus e Cruz das Almas, com população de 800 mil habitantes.