Como vai ficar o atendimento aos aposentados nas agências do INSS

Como vai ficar o atendimento aos aposentados nas agências do INSS
Como vai ficar o atendimento aos aposentados nas agências do INSS

Como vai ficar o atendimento aos aposentados nas agências do INSS.

As agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) devem permanecer fechadas pelo menos até meados de julho, informou uma fonte do governo. A reabertura estava prevista para ocorrer no próximo dia 22, mas será adiada.

>Afinal, aposentados e BPC podem ou não pegar os R$600 de Auxílio?

A expectativa é que a retomada seja gradual, e não com todas as unidades abertas, como havia sido previsto inicialmente. A ideia do governo é que as agências só sejam reabertas quando forem concluídas as compras e entregas dos equipamentos de proteção individual (EPIs), como máscaras e álcool gel, aos servidores que terão contato com o público.

No início da crise, antes do atendimento presencial ser encerrado, houve denúncias de funcionários do INSS relatando a falta de EPIs para atuar nas agências, o que gerava risco à saúde dos trabalhadores e segurados do instituto.

>Novos golpes surpreendem aposentados e pensionistas do INSS

No primeiro momento da reabertura, o atendimento será apenas para aqueles que tiverem agendado pelo Meu INSS ou pela Central 135. No entanto, as diretrizes de como será o atendimento e quais serviços retornarão ainda estão em discussão.

De acordo com a fonte, o governo estuda uma retomada em fases, com alguns serviços voltando a funcionar de forma presencial primeiro, como a perícia médica, por exemplo.

>63 mil aposentados e pensionistas vão receber bolada em atrasados

O prazo para reabertura das agências foi adiado a primeira vez no dia 22 de maio, quando o INSS publicou uma portaria no Diário Oficial prorrogando o fechamento das agências até o dia 19 de junho, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Veja mais