Compositor de Simões Filho é finalista no 45º Festival de Música Negra do Ilê Aiyê

Autor: Redação

Publicada em


A cidade de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) tem um compositor na final do 45º Festival de Música Negra do Ilê Aiyê, Troféu Pássaro Preto e Cantador. Gilson SM, como é popularmente conhecido é morador da Pitanguinha, um dos bairros tradicionais da cidade.

Juntamente com o seu parceiro musical Sandoval Melodia, Gilson participará da final disputando as categorias Tema  e Poesia, com as canções “Vertente Ilê e Destintividade Ilê. A final será realizada no próximo domingo (16/12), a partir das 14h, na Senzala do Barro Preto,  sede do Ilê, no Curuzu.

Além dos competidores, a etapa final do festival contará ainda com shows da banda de reggae Unidade Eu e Eu, Grupo Movimento e da anfitriã da casa, a Band’Aiyê. A entrada é um quilo de alimento não perecível.

Sobre o festival

Pelo 45º ano consecutivo, o Ilê Aiyê realiza seleção para compositores de todo o Brasil se destacarem nas etapas do “Festival de Música Negra do Ilê Aiyê – Pássaro Preto o Cantador”, que elegerá seis canções para entrar para o repertório do bloco afro mais antigo do Brasil.

Ao todo, são 17 canções finalistas, oito na categoria “Poesia” e nove na categoria “Tema”. Nesta seção as composições são inspiradas no tema do Ilê Aiyê para o Carnaval 2019: “Que Bloco é Esse? Eu quero saber” – que revive o primeiro carnaval da agremiação.

Entre os jurados estão confirmados os cantores e regente da Band’Aiyê, Yana Marucha, Juarez Mesquita e Mario Pam, respectivamente, e o artista plástico Mundão, que assina a identidade visual do bloco. As canções vencedoras do festival já passam a ser integradas ao repertório do Ilê Aiyê nos shows de verão e desfiles do Carnaval 2019.

O nome “Pássaro Preto, o Cantador”, que batiza o festival de música do Ilê desde a sua primeira edição, é uma homenagem a Cesar Maravilha, primeiro cantor do bloco e autor da clássica “Negrice Cristal”.