Curso gratuito sobre história da Bahia começa nesta segunda-feira (14)

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


O Centro de Memória da Bahia (CMB), unidade da Fundação Pedro Calmon/Secretaria de Cultura do Estado (FPC/Secult), abrirá a programação do curso Conversando com sua História em 2016 com a professora e etnolinguista Yeda Pessoa de Castro. Ela abordará o tema “Yeda Pessoa de Castro: Uma vida dedicada às línguas e culturas negro-africanas no Brasil” no próximo dia 14, às 17h, na Biblioteca Pública do Estado, no bairro dos Barris, em Salvador. A atividade é aberta ao público.
O curso chega a sua 14ª edição com a missão de novamente mediar a interlocução da sociedade baiana com as assuntos relacionados à história e memórias da Bahia. Nessa apresentação, Yeda falará sobre sua relação com as culturas negro-africanas.
Há 40 anos, sua tese inaugurou, no mundo, os estudos brasileiros das línguas africanas.Até então, a etnolinguista, doutora em Línguas Africanas pela Universidade Nacional do Zaire (Congo), fundadora do Museu Afro-Brasileiro em Salvador é a única nesta especialidade, considerada uma das mais importantes pesquisadoras nesse campo de estudo e uma das mais acatadas no meio acadêmico no exterior e das mais prestigiadas em África. São mais de quatro décadas dedicadas à investigação séria sobre as línguas e culturas africanas, estreitando os laços Brasil-África por meio de conferências, aulas, publicações e, principalmente, manifestações públicas em prol do reconhecimento acadêmico da importância destes elementos na formação do Português brasileiro.
Programação
Mais duas aulas do Conversando com Sua História estão programadas para acontecer neste mês. Dia 21 será com a professora Larissa Penelú Bitencout Pacheco (Uefs), com o tema “Feira Livre de Feira de Santana e modernização na década de 70”, e no dia 31, em Caetité, a professora Yone Celeste (Uefs), falará do tema “Faces da Educação na Bahia oitocentista: ingênuos e libertandos”, inaugurando a itinerância do projeto. Esta última aula será ministrada no campus VI da Universidade Estadual da Bahia, às 19h.