Trabalhadores desempregados entram com ação contra o SineBahia em Simões Filho

Desde 10 de março de 2015 que a unidade do SineBahia do município de Simões Filho está sendo gerenciada pela Sedec.

Autor: Simões Filho Online com a Colaboração de Ataíde Barbosa - Panorama de Notícias

Publicada em


A pouco mais de 1 ano de mudança na gestão do Sinebahia Simões Filho, o órgão continua desacreditado no município.

No último dia 2 de Junho, um grupo de moradores da cidade de Simões Filho se reuniu e entrou com uma ação no Ministério Público do Estado da Bahia contra o SINEBAHIA do município, pedindo para que o MP investigue a unidade.

De acordo com os trabalhadores desempregados, há suspeitas de irregularidades na unidade. Eles alegam que desde de 2015 não conseguem uma carta de emprego. No documento enviado ao MP, o grupo denuncia que: acredita que as vagas disponíveis não são cadastradas no sistema[..] que as mesmas estão sendo encaminhadas para pessoas especificas por meio do telefone[…].

O grupo de trabalhadores também solicitaram a desvinculação do SineBahia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Simões Filho (SEDEC) e a mudança do coordenador do Sine.

O que levou nos levou tomar essa atitude é que está tendo muitas irregularidades no Sine de Simões Filho. O órgão está sendo administrado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDEC) na pessoa do secretario Paula Alban conhecido como Paulo da Tupy, juntamente com o coordenador do Sine. Desde o final do mês de outubro de 2015 que estamos no Sine de segunda a sexta e não somos contemplados com uma carta de emprego, e até hoje não conseguimos nada. Não vamos parar, iremos seguir em frente e quero pedir a classe trabalhadora de Simões Filho, sendo homens ou mulheres que abracem essa causa que é uma causa nobre”, desabafou Adilson do Nascimento Lima, um dos integrantes da ação.

O Simões Filho Online tentou contato por telefone com o secretário Paulo da Tupy, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta matéria.

Desde 10 de março de 2015 que a unidade do SineBahia Simões Filho está sendo gerenciada pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec). Na época, Graça Maria pediu licença premio para requerer a aposentadoria do estado. Com promessas de mudança e melhoria no atendimento, a SEDEC assumiu a unidade. Na oportunidade, o Secretário Paulo da Tupy garantiu uma maior participação dos moradores de Simões Filho em processos seletivos e mais ações para aquisição de vagas de emprego, fato contestado, neste momento, por alguns trabalhadores desempregados.