Edy Kakay detona prefeito de Simões Filho: “Pare de gastar milhões com propaganda e atenda o povo”

.

Autor: Redação

Publicada em


Prefeito Dinha e o presidente do Grupo Gay do Cia (Foto: Simões Filho Online e Página Simões Filho)

O presidente do Grupo Gay do Cia, Edy Kakay, detonou o Prefeito Diógenes Tolentino – Dinha (MDB) na manhã desta sexta-feira (20/7), em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). As declarações inflamadas foram dadas durante o programa Bom Dia Simões Filho, na Simões Filho FM, comandado pelo Radialista Jairo Mascarenhas.

“Tenho 10 oficios protocolados naquele gabinete e eles não me atendem. Todos os dias bato na porta daquele gabinete solicitando resposta, e a resposta que nós temos é a porta na cara[…]. Você foi eleito para atender o povo de Simões Filho, porque nós não estamos lhe pedindo um centavo que seja do seu bolso e sim dos nossos impostos que pagamos no município. Tenho mendigado na porta da secretaria e no gabinete do prefeito[…] Só pedimos a ele respeito, a cidade continua rica – são 30 milhões por mês, 360 por ano”, desabafou.

“O gestor gasta milhões com propaganda fazendo maquiagem, e maquiagem é para palhaço, não para o povo de Simões Filho […] Pare de gastar milhões com propaganda e atenda o povo, compre bola, compre padrões, reforme os campos, dê incentivos ao jovens”, completou.

“Estamos mendigando, sofrendo, humilhados por esse gestor que é pago, e é bem pago para atender o povo de Simões Filho”, disse Edy Kakay.

Kakay deu um prazo ao prefeito e disse que se não houver uma resposta até segunda-feira, fará uma manifestação. “Em último caso vamos fechar a Avenida Elmo Serejo de Sarias, vou pintar meus gays de preto, de luto para pedir respeito. Vamos invadir aquela prefeitura que é a casa do povo”[…] Se o prefeito não atender até segundo-feira, vamos fechar a Elmo Serejo e no domingo vamos parar a BR 324 para chamar atenção a nível nacional”, alertou.

Kakay também revelou que já foi protocolado diversos oficios junto a Secretaria de Juventude e Esporte – Sejuv, que tem como chefe da pasta Sirliane Ribeiro. “Aquela secretária não tem respeito pelo povo de Simões Filho”.

“No momento o que nós estamos querendo é uma ajuda para a nossa viagem para representar o município no interior. Queremos uma bola, um padrão e um ônibus. Precisamos que esse prefeito se sensibilize e ele tem que aprender que a religião dele tem que deixar em casa. Somos seres humanos e merecemos respeito”, disse.

Por último, Edy Kakay revelou que será candidato a vereador em 2020 e prometeu dar resposta nas urnas.

VEJA MAIS NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO