Em noite fria, multidão dorme na fila do Sine à espera de uma vaga em Simões Filho

.

Autor: Redação

Publicada em


Foto: leitor/Simões Filho Online

Se está desempregado é uma das piores experiências que um trabalhador pode enfrentar na vida, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), a situação pode ser mais dolorosa, porque a falta de ocupação vem acompanhada do sacrifício para tentar conseguir uma nova colocação no mercado de trabalho.

Para tentar um encaminhamento para uma vaga de emprego muita gente passa a noite fria na frente posto do Sistema Nacional de Emprego (Sine), localizado dentro do Centro Social Marta Alencar, no centro da cidade.

Desde de a última segunda-feira (16/7) milhares de pessoas tem procurado a unidade do órgão no município. Trabalhadores desempregados enfrentam filas gigantescas e dormem em frente à unidade por dias para conseguir senhas para pesquisar uma oportunidade de trabalho. A maioria delas não conseguem atendimento.

A fila para esta quarta-feira (18/7) começou a se formar na noite desta terça-feira (17/7). Em meio ao frio, João Carlos, é um dos que enfrentam essa dura e árdua rotina. Desempregado há mais de dois anos, ele chegou ao Sine as 21 horas. “A experiencia foi horrível. Vai inaugurar o Atacadão, vagas em massa e agente espera pegar a ficha, preencher para vaga que você quer e de repente não tem mais isso, agora é pelo sistema e eles estão colocando um sistema gradativo. Hoje tem uma massa lá de gente, eu mesmo cheguei as 21:10 da noite, dormi no relento”, conta Carlos.

A falta de divulgação das vagas com requisitos específicos dos cargos por parte da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) nos órgãos de imprensa local, também é apontado pela população como um grande problema. Pois para saber quais são as oportunidades abertas, o candidato precisa ir ao Sine se aventurar, provocando filas enormes no município. “Quando eu cheguei lá dentro só tinha vagas para Nutricionista, Analista de RH e Frente de Caixa. As principais vagas como Repositor, Caixa, Conferente não estão disponíveis. É complicado, pois a gente sai de casa, dome no frio e toma esse ‘baque’, pra mim foi muito frustrante”, lamenta João Carlos.

Fila de ontem, terça-feira – (17/7)

A Setre divulga diariamente as vagas de empregos disponíveis para Salvador, Lauro de Freitas, Candeias, mas deixa o município de Simões Filho de fora da lista, o que prejudica a população e transmite uma falta de transparência do órgão no município.

O Sine foi criado pelo governo federal e tem parceria com os governos estaduais e municipais com o objetivo de intermediar a relação de emprego entre mão de obra e empresas através de um sistema integrado.

O Sine/Simões Filho funciona das 8h às 11h30, e das 13:00 às 16:30, de segunda a sexta-feira. São 200 fichas distribuídas diariamente, sendo 100 pela manhã e 100 a tarde. A sede do órgão fica localizado na Avenida Walter Aragão de Souza, no Centro Social Marta Alencar, próximo ao Mercado Municipal.

VEJA MAIS NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO