Cenário de abandono: Iluminação precária nas Praças do Centro retratam a realidade dos bairros de Simões Filho

.

Autor: Redação

Publicada em


Praça da Bandeira – parte da praça está com diversas lampadas queimadas

Três praças do Centro de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), que deveriam ser um espaço de diversão e lazer se tornou um retrato do descaso e abandono. Os locais retratam a triste realidade dos bairros periféricos da cidade que também sofrem com ruas às escuras.

Durante a noite, quem passa pela Praça da Bíblia, Praça da Bandeira e Praça 7 de Setembro, todas localizadas no Centro da cidade, visualiza um cenário tenebroso. Quem anda por lá reclama da situação e diz que sente o abandono do poder público. Com diversas lampadas queimadas, há pouca iluminação nos locais, e o lazer quase não existe. Em alguns locais, os postes não são suficientes para iluminar toda a extensão do espaço, em outros, lâmpadas queimadas contribuem para o escuro. “Não é nada agradável passear em um local escuro. É vergonhoso para uma cidade rica”, ponderou Janete Silva.

A Praça da Bíblia

Apesar de ter muita importância para Simões Filho, a Praça da Bíblia, localizada entre a Avenida Rui Barbosa e a Avenida Altamirando de Araújo Ramos, é um dos vários patrimônios que estão abandonados. O local, que deveria ser uma área atrativa da cidade, tem surtido um efeito contrário pela falta de infraestrutura e iluminação precária, afastando cada dia mais a população.

Praça da Bíblia

Praça da Bandeira

A Praça da Bandeira também é outro importante espaço público em decadência. A péssima iluminação do local também afasta os simõesfilhenses, que atualmente só passam na Praça de passagem, na correria para chegar ou sair para o trabalho.

 

Praça 7 de Setembro

A Praça 7 de Setembro fica localizada na entrada da cidade, próximo a Rodoviária da cidade. Segundo os frequentadores do local, que mesmo no escuro praticam atividades físicas, inúmeros apelos já foram feitos à administração municipal durante o ano, contudo, sem resultados. Uma moradora reclama: “A praça está nessa situação por descaso da administração pública. Pagamos a taxa de iluminação pública. O que o prefeito faz com esse Dinheiro?”, questiona.

Praça 7 de Setembro – local é utilizado para prática de atividades físicas