Estudante de baixa renda poderão receber doação de tablets

Imagem ilustrativa

Estudante de baixa renda poderão receber doação de tablets, segundo o Projeto de Lei 4135/20 que estabelece que a União entregará a estudantes da educação básica e do ensino superior públicos e privados tablets para acompanharem atividades escolares durante o estado de calamidade pública.

Estudantes da rede estadual recebem hoje terceira parcela do vale-alimentação

A proposta, do deputado Paulo Teixeira (PT-SP), favorece beneficiários do Bolsa Família, do Benefício de Prestação Continuada (BPC), do auxílio emergencial e da Lei Aldir Blanc, para trabalhadores do setor cultural.

Também podem ter o benefício quem comprovar redução de renda familiar em virtude da pandemia e incapacidade para comprar um tablet. A configuração dos aparelhos será a necessária para acompanhar os estudos, inclusive por tele-aulas e videoconferências. O material didático será enviado digitalmente para os alunos seguirem as aulas.

>Estudantes com Fies podem suspender parcelas a partir de hoje

Os aparelhos devem vir com um chip com pacote de dados de, no mínimo, 2 gigabytes/mês. A compra dos aparelhos e dos serviços será simplificada, como as demais aquisições durante a pandemia. Segundo Teixeira, o cenário atual de interrupção das aulas presenciais exige respostas rápidas e eficientes do Estado. “O projeto dialoga com a dificuldade que inúmeras famílias estão enfrentando em manter seus filhos acompanhando as atividades curriculares”, disse.

Veja mais