Ex-presidente Dilma Rousseff perde eleição para Senado em Minas Gerais

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Divulgação

Transmitida pela TV Globo, a pesquisa de Ibope de boca de urna divulgada neste domingo (07/10) surpreendeu a todos nos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais, em relação à disputa pelo governo do estado e para senado. Isso porque os resultados foram divergentes das últimas pesquisas de intenção de voto.A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança do levantamento é de 99%.

No estado do Rio, na pesquisa para governador, o candidato Wilson Witzel disparou e registrou 39% das intenções de votos válidos. Em seguida surgem os candidatos Eduardo Paes (MDB), com 21%, Tarcísio Motta (PSOL), com 15%, e o ex jogador de futebol, Romário (Podemos), com 9%, em levantamentos anteriores, aparecia melhor colocado, em segundo.

Já em Minas, em relação ao senado, o jornalista Carlos Viana (PHS) lidera com 21%, seguido de Dinis Pinheiro (Solidariedade) e Rodrigo Pacheco (DEM), ambos com 18%, e Dilma Rousseff (PT), com 15%. A ex-presidente não conseguiu se eleger após ter liderado todas as pesquisas.