Ford apoia universitários na competição de empreendedorismo social Enactus Brasil 2019

Autor: Redação

Publicada em


A Ford apoia quatro equipes de estudantes que participam do Nacional Enactus Brasil 2019, o maior evento universitário de empreendedorismo social da América Latina, realizado esta semana no Expo Center Norte, em São Paulo. Esse suporte é feito por meio do Ford Motor Company Fund, braço filantrópico da Ford, e do seu projeto Ford College Comunity Challenge (Ford C3), que vai conceder US$ 5 mil a cada equipe selecionada.

O desafio dos participantes é criar soluções práticas e inovadoras para necessidades críticas da sua região, contribuindo para a construção de comunidades sustentáveis. O evento reúne mais de 1.500 pessoas e a equipe vencedora representará o Brasil no Campeonato Mundial em San Jose, Califórnia, EUA.

Mais de 120 universidades brasileiras participam do campeonato e 56 delas competirão pelo título de campeã nacional. Cada equipe tem 17 minutos para mostrar seu projeto e o respectivo impacto social. Um grupo de juízes vai selecionar a equipe que representará o Brasil na Enactus World Cup.

A USP de São Carlos, SP, é uma das universidades participantes. Sua equipe desenvolveu o Projeto Melious, na comunidade carente chamada “Em Busca de um Sonho”. Ela construiu uma carpintaria para a produção de móveis usando paletes e um estúdio de crochê. Além disso, desenvolve um projeto de construção residencial sustentável com garrafas PET, utilizando tecnologia desenvolvida pela universidade. Voluntários também ensinam português e matemática para as famílias da região.

Outro projeto é o SerTão Sustentável, da Universidade Estadual do Vale do Acaraú, em Sobral, CE. Como a comunidade não dispõe de um sistema de coleta de lixo adequado, os alunos criaram oficinas para a formação de composteiras, transformando resíduos em fertilizantes. Eles também criaram um selo de sustentabilidade para os produtores agrícolas envolvidos no projeto e desenvolveram dois sistemas de baixo custo para reduzir o uso de água: Aventi e CoTy. Além disso, a equipe apoia a venda dos produtos em uma feira, chamada “Bodega Sustentável”.

Outra iniciativa vem de alunos da UFABC, em Santo André, SP, que criaram o Projeto Alfatech para reduzir o analfabetismo por meio da tecnologia. O quarto projeto, desenvolvido pela UFPA, de Belém, PA, chamado Minerva, treina mulheres em parceria com o SENAI para se tornarem “faz tudo”, realizando serviços domésticos na casa de outras mulheres. O objetivo é reduzir o desemprego feminino e oferecer serviços seguros, via aplicativo, sem risco de violência sexual para as clientes.

O campeonato

Durante o campeonato, os universitários são desafiados a realizar uma ação empreendedora e encontrar formas de solucionar uma necessidade específica e urgente em uma comunidade local, empoderando-a para se tornar um lugar mais sustentável para viver e trabalhar. “A Ford acredita no potencial desses jovens para buscar soluções e ideias inovadoras para as suas comunidades”, diz Magnólia Borges, supervisora de Assuntos Corporativos da Ford.