Fórum discute ações, desafios e soluções de Segurança Pública em Simões Filho

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


O Plenário da Câmara Municipal de Simões Filho foi palco do 1º Fórum de Segurança Pública na manhã desta quinta-feira (13), com abordagens e discussões por várias autoridades que avaliaram os problemas, desafios, perspectivas e possíveis soluções no enfrentamento e combate da violência e criminalidade no município. O evento idealizado pela 22ª Companhia Independente da Polícia Militar (22ª CIPM) reuniu representantes do Executivo, do Legislativo, do Judiciário, das Polícias Civil e Militar, servidores, convidados e a comunidade.

O fórum, em formato de audiência pública, contou com a presença de diversas autoridades, entre elas, o prefeito Diógenes Tolentino Oliveira, a primeira-dama e deputada estadual Kátia Oliveira, o vice-prefeito, Sid Serra, o presidente da Câmara, Orlando de Amadeu, vereadores, secretários municipais, autoridades civis e militares, o Comandante do Policiamento da Região Metropolitana de Salvador (RMS), Coronel Alfredo José Souza Nascimento, o Comandante da 22ª Companhia Independente da Polícia Militar (22ª CIPM), Major Fábio Nascimento Dias, o delegado da Polícia Civil, Roberto Lima, e representantes dos demais órgãos que integram o sistema de segurança do município, Dr. Jader Santos Alves (Ministério Público) e a Dra. Maia Gelman Amaral (Defensoria Pública).

Durante toda a manhã tomada por palestras, os representantes do Executivo, Legislativo, Judiciário e das Polícias Civil e Militar abordaram questões sob diferentes perspectivas e pluralidades pertinentes à segurança pública em Simões Filho no plenário do Legislativo onde cada representante expôs em suas apresentações acompanhadas pelo público o que tem desenvolvido em prol da segurança do município.

No painel de discussões, os expositores discutiram problemas, desafios e possíveis soluções para com a situação da segurança pública no município com os seguintes debates: o Comandante do Policiamento da (RMS), Coronel Alfredo José Souza Nascimento, e o Comandante da 22ª CIPM, Major Fábio Dias, com a temática “O papel da Polícia Militar no Sistema de Defesa Social”; o promotor de Justiça, Dr. Jader Santos Alves (Ministério Público), com a temática “Desafios e potencialidades da atuação do Ministério Público em Simões Filho”, a Defensora Pública, Dra. Maia Gelman Amaral (Defensoria Pública), com a temática “Defensoria Pública e Segurança Pública no sistema de Defesa Social” e, por fim, o prefeito Diógenes Tolentino Oliveira, com a temática “O Poder Executivo em apoio ao Sistema de Segurança Pública”.

A abertura do Fórum contou com a explanação inicial do Coronel Alfredo Nascimento que mencionou o envolvimento de todos os órgãos públicos de segurança juntos em defesa da comunidade. “É um trabalho de todos, a ajuda da sociedade, da comunidade, ajudando a polícia, o prefeito, o promotor, as autoridades e a gente fica muito feliz com esse envolvimento”, afirmou Coronel Alfredo que destacou a redução dos índices de criminalidade no município. “Há muito tempo, Simões Filho não faz parte da discussão mais acirrada”, completou. Ainda de acordo com ele, tudo isso é “fruto do trabalho e da ajuda da comunidade que também tem ajudado o prefeito e todos os órgãos de Defesa Social”.

Em sua fala, o Comandante da 22ª CIPM, Major Fábio Nascimento Dias, mencionou que em Simões Filho houve uma redução em 32% dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), que corresponde a menos 16 homicídios em relação ao ano passado. “A gente tem muito a comemorar com a população. Isso significa 16 pessoas a menos mortas em crimes letais intencionais com relação ao mesmo período do ano passado, a maior redução da RMS”, destacou.

Após sua exposição, o Comandante da 22ª CIPM, Major Fábio Nascimento Dias, o Subcomandante Capitão, Márcio Alcântara e o assessor de comunicação, Tenente Everton Jorge Bastos de Andrade foram agraciados pela imprensa simõesfilhense com uma homenagem especial.

Durante a audiência, o promotor de Justiça, Dr. Jader Santos Alves, delimitou o papel do MP e apontou a necessidade do sistema de justiça melhorar a sua efetividade nas ações judiciais no âmbito criminal ligadas à segurança pública. “O Ministério Público é uma espécie de advogado da sociedade que defende os interesses em defesa da ordem jurídica e do regime democrático e dos interesses sociais e individuais e depende da polícia para o trabalho de investigação surtir o efeito desejado. O desafio do Ministério Público é buscar efetividade nos processos criminais”, defendeu.

A Defensora Pública, Dra. Maia Gelman Amaral, explicou que o papel da Defensoria é fazer com que as pessoas que não podem pagar um advogado tenham acesso à justiça. “A Defensoria é este grande veículo que permite que as pessoas cheguem à justiça”, ressaltou a defensora.

O prefeito Dinha apresentou às autoridades civis e militares uma série de ações desenvolvidas e executadas pela atual gestão como meios para enfrentar o combate à violência no município. Em seu posicionamento, o gestor reforçou o fortalecimento das parcerias entre as instituições de segurança pública responsáveis e o Poder Público. “Desde o início do nosso mandato, estamos fazendo melhorias para a segurança da nossa cidade, junto com o comando da Polícia Militar, o judiciário e demais órgãos de segurança e vamos continuar este trabalho de parceria para que juntos possamos garantir a segurança da população de Simões Filho”, enfatizou.

O presidente da Câmara, Orlando de Amadeu, destacou que o evento se tornou um marco na história do município porque reuniu as autoridades para uma discussão aberta sobre segurança pública com todos os segmentos da sociedade e lembrou que o Legislativo Municipal atua também em conjunto com o Executivo na busca de soluções para o setor de segurança pública no município.

Após as explanações dos representantes do Executivo, Judiciário e do comando da Polícia Militar, as pessoas puderam manifestar livremente perguntas que foram lidas na tribuna e respondidas pelas autoridades assentadas à mesa principal do Fórum. Um das questões levantadas pelo público sugere a criação de um Conselho Comunitário de Segurança Pública como um elo de comunicação entre a população e os agentes responsáveis pela segurança pública no âmbito local. Os gestores dos órgãos policiais ouvem as questões apresentadas e adotam as providências necessárias.

Fórum de Segurança Pública

Idealizado pela 22ª Companhia Independente da Polícia Militar (22ª CIPM), sob a iniciativa do Major Fábio Dias, o 1º Fórum de Segurança Pública conta com o apoio da Prefeitura de Simões Filho, da Câmara de Vereadores e das instituições de segurança, como Polícias Civil e Militar, Defensoria Pública da Bahia e Ministério Público.

O encontro aberto a toda comunidade tem por finalidade promover a interação com a comunidade, incentivar o debate a respeito das questões de segurança, mas, sobretudo, integrar os órgãos que compõem o Sistema de Defesa Social, visando à elaboração de políticas públicas com metas, ações e indicadores que proporcionem melhoria da qualidade de vida aos cidadãos de Simões Filho.

Atuação diferenciada

Com a missão de “servir e proteger” e a visão de “ser referência em gestão administrativa e operacional”, Major Dias defende que o “policial é um pedagogo da cidadania”.

Ao assumir o comando da 22ª CIPM em fevereiro de 2017, o Major PM Fábio Nascimento Dias tem se destacado pelo protagonismo nas ações diferenciadas de Segurança Pública desenvolvidas à frente da 22ª CIPM na aproximação com a comunidade, sempre em parceria com a gestão municipal.

Um exemplo disso foi a apresentação no mês de junho/2017 do Plano de Comando – planejamento para o estabelecimento das ações com 12 objetivos e metas para serem alcançadas entre 2017 e 2020, além disso, o Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD).

Entre as ações táticas realizadas no Planejamento Estratégico, incluíram as Bases de Apoio Operacional, PROERD, pesquisa de satisfação e pesquisa de clima organizacional, ações diretivas para proposição de oportunidades e melhorias nos serviços.