Funcionários que atuam na UPA e em 14 Postos de Saúde de Simões Filho têm salários atrasados

.

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Imagem ilustrativa

Centenas de funcionários que atuam na Unidade de Pronto Atendimento de Urgência (UPA) e nos 14 postos de saúde de Simões Filho, estão com os salários atrasados. A denuncia foi feita por trabalhadores que já vão passar mais uma semana sem dinheiro. Trabalhadores estão há cerca de 20 dias sem o pagamento da remuneração.

As unidades de saúde estão sendo administrados pela Cooperativa Conectar, terceirizada contratada pela Prefeitura Municipal de Simões Filho. A empresa venceu a licitação na Modalidade Pregão Presencial Nº009/2018, em conformidade com diretrizes das políticas de saúde do município, tipo Menor Preço Global.

“Estamos com os salários atrasados e fica um jogo de empurra-empurra. A empresa terceirizada diz que a prefeitura ainda não fez o repasse do valor, já prefeitura diz que já fez o pagamento para a empresa. Queremos saber, quem está mentido?”, questionou uma enfermeira que pediu para não ser identificada com medo de perder o emprego.

Ainda de acordo com os funcionários, o atraso no pagamento já vem tirando o sono dos trabalhadores. “Todos mundo está sem receber e a empresa não faz nada para resolver essa situação. Isso é um descaso”, completou.

Os funcionários ainda contam que a empresa cobra uma taxa de cada funcionário. Os denunciantes também revelaram que trabalham sem direito a décimo e férias remunerada. “Essa cooperativa que administra os postos e a UPA desconta R$ 20 reais de todos os funcionários. Isso é um absurdo. Não temos direito a férias remunerada e muito menos décimo”, denuncia.

A reclamação dos funcionários já vem se repetindo desde a entrada da cooperativa para gerir a saúde do município.

A esperança dos trabalhadores é que a situação seja resolvida o mais rápido possível, pois a maioria das pessoas dependem unicamente do salário para pagar contas e fazer compras para casa.

SIMÕES FILHO ONLINE entrou em contato com a Cooperativa Conectar, e por telefone, a assessoria explicou que os pagamentos começaram a serem realizados na última quinta e foram finalizados na noite deste segunda (23/7). “Já pagamos 100% dos trabalhadores”.