Governo libera pagamento do PIS 2017/2018 – Veja calendário

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


Calendário do PIS 2017

Mais de 24 milhões de trabalhadores têm direito ao pagamento do PIS 2017/2018, contudo, muitos trabalhadores ainda se perguntam se têm ou não direito ao benefício. O Pagamento PIS 2017 e PIS 2018 já foi liberado pelo Governo Federal, e a Caixa Econômica Federal já está realizando os pagamentos.

Pagamento PIS está liberado

O novo calendário do PIS 2017 e PIS 2018 já está disponível e o dinheiro já começa a cair na conta do trabalhador a partir desta terça-feira (25) para quem tem conta na Caixa. Quem não tem conta recebe a partir de quinta-feira (27). Os pagamentos serão de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, e os valores do benefício do PIS 2017 e PIS 2018 variam de R$ 79 a R$ 937.

Muitos trabalhadores ainda tem dúvidas se tem direito ao benefício. Para resolver este problema, fizemos uma explicação completa de como calcular PIS para você tirar suas dúvidas. Abaixo, confira o calendário do PIS, e como calcular o valor que você vai receber.

O que fazer com o dinheiro do PIS?

O pagamento do PIS é muito importante tanto para os cidadãos que são beneficiados por um valor extra, quanto para a #Economia do país.O valor recebido com o abono do PIS 2017 e PIS 2018 pode ser utilizado de muitas formas. O Governo não especifica o que você pode ou não fazer com o dinheiro, pois não é preciso nenhuma prestação de contas posterior. Ou seja você pode usar como bem entender. Geralmente o valor é investido em caderneta de poupança ou utilizado para quitar dívidas pendentes. Há também aqueles que preferem utilizar o abono para fazer uma viagem, o que é uma ótima ideia para a economia das cidades visitadas e para o bem-estar do profissional.

Quem pode receber?

Para ter direito, o trabalhador deve ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano base, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e com seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais), ano-base.

Qual valor a receber?

O valor a ser recebido é proporcional ao número de meses trabalhados. Só receberá o valor integral de 937,00 reais quem trabalhou os 12 meses do ano interior. Dessa forma, se uma pessoa X trabalhou 5 meses no ano base, vai receber apenas o proporcional a 5 meses do PIS completo que seria o total de um salário mínimo. Nesta mesma lógica, quem trabalhou apenas 1 mês vai receber apenas 1/12 e assim por diante. Só vai receber o valor total disponível (1 salário mínimo), quem trabalhou o ano base completo.

Veja a seguir o valor a ser recebido de acordo com os meses ou dias trabalhados. Quem trabalhou um mês receberá R$ 79,00; 2 meses, R$ 157,00; 3 meses, R$ 235,00; 4 meses, R$ 313,00; 5 meses, R$ 391,00; 6 meses, R$ 469,00; 7 meses, R$ 547,00; 8 meses, R$ 625,00; 9 meses, R$ 703,00; 10 meses, R$ 781,00; 11 meses, R$ 859,00; e, por fim, quem trabalhou todos os 12 meses do ano base receberá R$ 937,00.

Como sacar?

Para sacar, vá com o Cartão Cidadão e senha cadastrada a uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento da Caixa. Caso não tenha o Cartão Cidadão, o valor pode ser retirado em qualquer agência da Caixa, apresentando o documento de identificação. Para as pessoas que são correntistas da Caixa Econômica Federal, no dia 25, os valores já podem estar creditados na conta; então para quem está ansioso aguardando, não custa nada tirar um extrato e conferir. Também pelo telefone é possível confirmar se os valores já foram creditados, basta conferir o saldo no telefone 0800 726 0505, opção 2.

A consulta para o trabalhador saber se tem direito e o valor do benefício foi liberada nesta segunda-feira (24), nestes meios: aplicativo Caixa Trabalhador e pelo Atendimento Caixa ao Cidadão: 0800-726-0207.

Veja o calendário do PIS 2017/2018