Homem morre após passar mal em ferry e passageiros acusam ‘falta de estrutura’

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Aratu Online
Do Aratu Online, parceiro do Simões Filho Online

Um homem de nome e idade ainda não divulgados morreu após passar mal durante travessia de ferry boat, na tarde desta quinta-feira (15/11). A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Internacional Marítima, que administra o serviço.

A mesma disse, ainda, que a embarcação “Pinheiro” – que saiu de Bom Despacho com destino a Salvador – voltou ao local de partida, onde uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o qual foi “acionado imediatamente”, o aguardava.

OUTRO LADO

Segundo o professor Matheus Buente, que estava no mesmo ferry, o homem começou a passar mal após 20 minutos de viagem, aproximadamente, e não houve nenhum procedimento de primeiros socorros por parte da equipe de funcionários da embarcação.

“Tentamos achar um socorrista, kit de primeiros socorros, mas não havia nada. Até a maca eu que tive que buscar com outra pessoa”, conta Buente. “Em seguida, dois enfermeiros que estavam a bordo fizeram massagem cardíaca e respiração boca a boca no passageiro que passou mal”, continuou.

Ao Aratu Online, parceiro do Simões Filho Online, Matheus afirmou que a embarcação só voltou a pedido dos passageiros. Foram estes, inclusive, ainda de acordo com ele, que acionaram o Samu, solicitando que a ambulância esperasse em Bom Despacho.

Procurada pelo portal, a Internacional Marítima informou que a tripulação é capacitada para efetuar os primeiros socorros, porém, na ocasião, foi auxiliada por dois profissionais da área de saúde que estavam a bordo.

A empresa afirmou que uma nota de posicionamento será emitida ainda nesta quinta-feira.