Inpi abre inscrições de concurso com salários até R$10.043,70

O regime de contratação é o estatutário, que garante a estabilidade do trabalhador

Autor:

Publicada em


O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) abriu nesta terça-feira (14), as inscrições do concurso com 140 vagas de nível superior. Do total de oportunidades, 40 são para tecnologista e 100 para pesquisador em propriedade industrial, que exige mestrado ou doutorado, e o curso superior em Engenharia, Farmácia, Química, Nutrição, Física, Matemática ou Informática, entre outros. O INPI reserva vagas também a deficientes (5%), negros e índios (20%).

 

Para o cargo de tecnologista, a remuneração inicial é de R$7.066,54, incluindo vencimento-base de R$4.270,34, gratificação de desempenho de atividade da área de Propriedade Industrial (GDAPI) de R$2.423,20 e auxílio-alimentação de R$373. Esse valor ainda aumenta com especializações. Caso o servidor tenha pós-graduação, será acrescido o adicional de titulação de R$336,26, resultando em rendimento de R$7.402,80, e se tiver mestrado, o rendimento vai a R$7.871,36, com o adicional de R$804,82. Já quem tiver doutorado terá remuneração de R$9.038,91, somando R$1.972,37 de retribuição por titulação.

 

Já para pesquisador, o vencimento inicial é de R$7.794,60, incluindo o vencimento-base de R$4.812, gratificação de desempenho de atividade da área de Propriedade Industrial (GDAPI) de R$2.609,60 e auxílio-alimentação de R$373. Quem tem mestrado receberá ainda o adicional por titulação de R$898,54, resultando em remuneração de R$8.693,14, e quem tem doutorado receberá ainda a retribuição de R$2.249,10, tendo rendimento, em início de carreira, de R$10.043,70.

 

Os interessados poderão se inscrever até o dia 2 de novembro, no site do Cespe/UnB. As taxas são de R$90 para o tecnologista e de R$100 para o pesquisador. Todas as oportunidades são para o Rio de Janeiro. O regime de contratação é o estatutário, que garante a estabilidade do trabalhador. As provas estão previstas para o dia 7 de dezembro.