Lojas da rede Walmart mudam de nome em todo Brasil

Autor: Redação

Publicada em


Lojas da rede Walmart mudam de nome
Lojas da rede Walmart mudam de nome no país (Foto: Diego Herculano/NurPhoto/Getty Images)

Lojas Walmart mudam de nome em todo país – Nos últimos meses, muito se especulou a respeito do futuro do Walmart no Brasil. Desde que, há pouco mais de um ano, a empresa de investimentos Advent International anunciou a compra de 80% das operações brasileiras da rede americana, uma série de boatos dominou os debates entre os especialistas, desde uma possível entrada da Amazon no negócio até a transformação por completo das lojas existentes no país. No entanto, o Walmart enfim anunciou o que fará de sua operação no Brasil.

Veja ponto a ponto as mudanças que vão ocorrer:

  • a primeira mudança será o nome da marca, que passará a ser chamada de Grupo Big.
  • vai adotar um novo modelo de negócios, mais focado no que o mercado chama de atacarejo.
  • vai vender principalmente alimentos e itens de higiene e limpeza a preços mais baixos.
  • a companhia prevê investimentos de R$ 1,2 bilhão nos próximos 18 meses para modernização e ampliação de suas lojas.
  • As lojas de hipermercado Walmart nas regiões Sul e Sudeste passarão a se chamar BIG
  •  No Nordeste, todos os hipermercados serão Big Bompreço
  • Até junho de 2020, a expectativa é concluir a reforma de 100 hipermercados.

Atualmente, o Grupo Big opera com cerca de 550 lojas e 50 mil funcionários em 18 Estados brasileiros, além do Distrito Federal. A companhia afirma ser o terceiro maior conglomerado de varejo alimentar do Brasil.

Em comunicado oficial, a bandeira Sam’s Club terá 10 novas lojas em um período de um ano, sendo que a primeira deverá ser inaugurada nas próximas semanas. Outras três serão abertas até o fim de 2019. “Esse movimento faz parte do projeto de conversão de hipermercados em Maxxi Atacado e Sam’s Club”, informou o grupo.

A mudança de nome não deixa de ser curiosa. O Walmart é a maior rede varejista do mundo, líder com folga do mercado americano – o maior do planeta – e uma das empresas mais bem-sucedidas da história. A inclusão de uma nova marca se deve a razões econômicas. Apenas pelo uso do nome, a empresa precisa pagar royalties mensais aos americanos, donos da marca Walmart, de 0,7% das vendas. Com a mudança, essa obrigação é anulada.

“A nova estratégia vem em boa hora”, diz Eduardo Tancinsky, consultor especializado em marcas.

Números – Lojas Walmart mudam de nome

Os números explicam a nova estratégia. De acordo com pesquisa da consultoria Nielsen, 60% dos lares do país são abastecidos por produtos comprados nos atacarejos. Esse movimento levou a um aumento consistente das vendas, que subiram 12,8% no ano passado, um desempenho expressivo diante do crescimento modesto da economia.

O agora Grupo Big conta atualmente com 550 lojas e 50 mil funcionários em 18 estados brasileiros, além do Distrito Federal.