Maia diz que ofensas de Bolsonaro à jornalista causam insegurança na sociedade

Autor: Redação

Publicada em


As declarações do presidente da república a classe jornalista têm diso cada vez mais longe e gerado muitas desaprovações. Nesta quarta-feira (19/02) o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), lamentou as ofensas do presidente da República, Jair Bolsonaro, à jornalista da Folha de S. Paulo.

Para  Maia, os tipos de declarações de Bolsonaro como as últimas dirigidas para jornalista Patrícia Mello geram perplexidade e insegurança na sociedade brasileira. Segundo ele, o desrespeito à liberdade de imprensa sinaliza de forma negativa também para os investidores.

“Não preciso ficar narrando cada vez que um episódio triste, lamentável como esse acontece. Todo mundo sabe minha posição, [sobre] a importância da democracia para a liberdade de imprensa, todo mundo sabe o [meu] respeito às mulheres e aos jornalistas”, criticou Maia.

Nesta terça-feira(18), Bolsonaro fez insinuações de caráter sexual em relação à atuação da jornalista Patrícia Campos Mello em uma reportagem sobre o disparo massivo de mensagens durante a campanha eleitoral.