Manifestantes fecham trecho da BA-528 após morte de morador em assalto a ônibus

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Moradores de comunidades localizadas às margens da rodovia BA-528, em Salvador, fecharam os dois sentidos da via, na altura de São Tomé de Paripe, na manhã desta terça-feira (20/08), durante protesto. Os manifestantes pediam justiça, após um morador da região, Robson Moitinho Lima, de 46 anos, ser morto durante assalto a ônibus, no sábado (17), no bairro de Paripe. Os manifestantes também pediam segurança e melhorias na infraestrutura do local, além de aprimoramentos na rodovia.

Os manifestantes usaram galhos de árvores e pneus em chamas, para fechar os dois sentidos da via. O trânsito foi completamente interrompido no local. Por volta das 6h15, uma grande fila de veículo já havia se formado sentido Base Naval de Aratu. Equipes da Polícia Militar foram encaminhadas ao local , por volta das 7h, a pista foi liberada e o tráfego voltou a fluir no local.

O crime

De acordo com informações da Polícia Civil, dois homens anunciaram o assalto ao coletivo quando o transporte passava por um viaduto em Paripe. A vítima entrou em luta corporal com um dos criminosos e foi atingida com um tiro no peito. Socorrido para o Hospital do Subúrbio, Robson não resistiu e morreu em seguida.

A dupla de assaltantes conseguiu fugir para uma comunidade na região de São Tomé de Paripe. Passageiros e outras testemunhas do crime foram ouvidas pela polícia, e imagens de câmeras de vigilância do ônibus foram solicitadas.

O eletricista deixa esposa e quatro filhos. O corpo dele foi enterrado na tarde de sábado (17), no Cemitério Municipal de Paripe.