Ministro do Meio Ambiente discute situação de rio que atravessa Simões Filho

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Adilton Venegeroles/Ag. A Tarde

Ameaçado de morte, o Rio Joanes, responsável por 40% da água potável da Região Metropolitana de Salvador (RMS), tem remédio. Foi o que disse neste sábado (17) o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, em reunião com Mauro Cardim, secretário de Planejamento, Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico de Lauro de Freitas (Seplan).

Foto: Divulgação

Cardim debateu sobre a degradação da Bacia do Rio que atravessa os municípios de Simões Filho, Candeias, São Sebastião do Passé, Dias D’Avila, Camaçari e que deságua poluído na praia de Buraquinho.

“Uma agenda de trabalho será iniciada no sentido de voltar a mobilizar entes públicos e privados para consolidar medidas que assegurem a revitalização do Rio Joanes”, disse Cardim.

Sarney Filho ofereceu apoio do ministério para colocar em ação iniciativas que ajudem a melhorar a situação do Rio Joanes que é estratégico para a grande Salvador.