Polícia afirma que corpos de mãe e filha moradoras de Simões Filho encontrados na BR-324 foram levados por taxista

Mãe e Filha moravam no bairro Cia 2, em Simões Filho

Autor:

Publicada em


Um taxista afirmou à polícia que foi obrigado a transportar o corpo de mãe e filha após ter o veículo parado e sofrer ameaça de morte na madrugada deste sábado (17). Ele foi ouvido pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na capital baiana, e liberado.

 

A polícia informou que o crime teria sido praticado por quatro homens não identificados. Ainda segundo a polícia, eles estavam armados e colocaram os corpos no porta-malas do táxi e indicaram o local de desova, na Jaqueira do Carneiro, próximo da BR-324 e do canteiro de obras do metrô. 

 

A polícia ainda não divulgou oficialmente os nomes das vítimas. O Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa – DHPP continua investigando o misterioso caso.

 

Mistério: O caso

Mãe e Filha foram encontradas mortas na manhã deste sábado (17), na BR-324, trecho da capital baiana. Os corpos das vítimas apresentavam perfurações oriundo de disparos de armas de fogo e sinais de espancamento. Ambas estavam com as mãos amarradas e com partes íntimas expostas. De acordo com informações da Central de Polícia, as duas moças foram encontradas mortas por moradores da região por volta das 5h30.

 

Segundo informações enviadas a redação do Simões Filho Online, as vitimas, mãe e filha, foram identificadas apenas como Neide, conhecida como ‘Galega’ e Mara Benício, de 15 anos. Ambas residiam no bairro Cia 2, Quadra 3, em Simões Filho. Ainda segundo informações, Neide deixa outros filhos, um de 7 anos e outros que não moravam com ela. Moradores disseram ainda, que ela trabalhava vendendo moveis em toda a região. O crime com requintes de crueldade chocou os moradores do bairro onde elas viviam.

 

Os corpos delas foram abandonados na localidade da Jaqueira do Carneiro, na BR-324, perto do posto de combustível Shell, em Salvador.

 

Matéria publicada originalmente as 10:52 do dia 18 de janeiro 2014 

 

Saiba Mais:

Nas rede social de Mara o clima é de muita tristeza. Familiares e amigos da adolescente diz não acreditar no que aconteceu com mãe e filhaClique aqui e saiba mais.

 

Mãe e Filha de Simões Filho são mortas com requintes de crueldade – Mãos amarradas, partes íntimas expostas. Clique aqui e saiba mais