Mulher de 21 anos é usada como ‘escudo humano’ e morre na Região Metropolitana

A jovem de 21 anos estava passando e foi usada como escudo humano

Autor:

Publicada em


Uma jovem de 21 anos morreu após ser baleada no município de São Francisco do Conde, na RMS (região metropolitana de Salvador). De acordo com a Central de Polícia, Gilvânia de Oliveira Machado foi alvejada após ser usada como “escudo humano” por Eranildo Alves Santos Cordeiro, de 25 anos.

 

Ainda segundo a polícia, a jovem passava pelo Conjunto Manoel de Amaro, bairro Pitangueiras, quando um grupo de criminosos chegou ao local e efetuou vários disparos contra Eranildo. Para se proteger dos disparos de arma de fogo ele puxou Gilvânia de Oliveira Machado, de 21 anos que estava passando, usando a jovem como escudo.

 

Gilvânia não resistiu os ferimentos e morreu no local do crime. Cordeiro foi socorrido e encaminhado ao hospital do município. O estado de saúde dele não foi informado.

 

O atentado ocorreu na noite de sexta-feira (9), por volta das 23h, e poder ter relação com o tráfico de drogas, pois, de acordo com a polícia, Cordeiro tem passagens por tráfico. O caso está sendo investigado pela 21ª DT (Delegacia Territorial) de São Francisco do Conde, responsável por apurar a autoria e motivação do crime.