“Neco é um discípulo mal feito de Eduardo Alencar”, afirma Dinha

Dinha falou que os servidores nomeados devem se preparar, segundo ele, vai haver demissão em massa na prefeitura de Simões Filho

Autor: Jerffeson Brandão | Jornalista DRT 4826-BA

Publicada em


Novas declarações do pré-candidato da oposição agitam a política de Simões Filho. Mesmo faltando um pouco mais de um ano para eleições municipais, Dinha Tolentino já começou a mexer as peças do tabuleiro político de olho no xeque-mate.

Durante entrevista, Dinha voltou a alfinetar a gestão municipal, só que dessa vez, o vice-prefeito Neco Almeida (PSD), também foi alvo das críticas. “Neco é um discípulo muito mal feito do prefeito. O prefeito diz que eu não vou ganhar nunca enquanto ele estiver aqui – Neco  diz que não vai perder para mim de jeito nenhum, então, são dois deuses que existem no município e nós com muita humildade e simplicidade vamos trabalhar e pedi a Deus que nos dê sabedoria para levar uma campanha de forma decente”.

Dinha declara ainda que vai haver demissão em massa em Simões Filho, uma vez que, segundo ele, a folha da prefeitura já está com um percentual acima do admitido por lei. “Eu observei o relatório do primeiro quadrimestre da administração em 2015, percebi que a folha de pagamento está em torno de 58%, segundo informações da própria prefeitura. De lá para cá criaram diversos cargos – certamente o prefeito vai fazer o que ele sempre fez –  colocar o cidadão para trabalhar apenas dois meses e depois demite. A partir de outubro o prefeito certamente vai utilizar o mecanismo que ele sempre utilizou – vai demiti muita gente para puder trazer o percentual da folha para um percentual admitido por lei.

O pré candidato finalizou a sua fala afirmando que as melhorias na cidade ainda não chegaram. Para ele, pedir voto e se manter no poder por muitos anos é muito fácil, difícil é honrar a confiança dos eleitores e fazer valer o voto de cada um que acreditou e confio nas melhorias que o governo atual pregou e que até agora não fez.

“Precisamos investir no lazer, na saúde, na cultura. Nós precisamos mostrar para Bahia e o Brasil que Simões Filho tem um povo capaz, competente, ordeiro e de paz”. Finalizou.

Por:  Simões Filho Online  – Jerffeson Brandão | Jornalista DRT 4826-BA