Oito hábitos comuns que facilitam a quebra do seus cabelos

Oito hábitos comuns que facilitam a quebra do seus cabelos
Oito hábitos comuns que facilitam a quebra do seus cabelos – Reprodução

Oito hábitos comuns que facilitam a quebra do seus cabelos. É possível ter todos os cuidados para lavar e tratar seu cabelo, seja na hora do banho ou dos produtos que você usa nele. Mas, ás vezes, reproduzimos hábitos no dia a dia que prejudicam os fios, podendo até quebrá-los.

Até quem não usa química, tem suas mechas prejudicadas e não entende o motivo. Por isso, preparamos uma lista com alguns hábitos que devemos evitar e dicas para deixa o cabelo mais resistente.

Veja mais: Saúde para seus cabelos: Revitalizador com argila e óleo de coco

1. Escovas e pentes de cabelo errados

O tipo de pente ou escova que você utiliza nos fios faz muita diferença. Os pentes de osso ou madeira e as escovas com cerdas naturais são as mais indicadas pelos profissionais.

Os pentes finos de plásticos por exemplo não indicados para desembaraçar, pois eles tracionam muito os fios e no final podem acabar quebrando o cabelo.

Veja mais: Água de batata pode ajudar seu cabelo crescer rapidamente

2. Modo de pentear o cabelo

Você penteia as mechas passando o pente/escova da raiz até as pontas? Então, este é o hábito que mais comumente causa quebra dos fios.

Especialistas indicam que deve-se começar a desembaraçar das pontas dos fios e ir subindo gradativamente pelo comprimento do cabelo, com movimentos lentos – mas firmes.

3. Chapinha, Secador e Babyliss

O excesso de temperatura resseca o cabelo e deixa os fios frágeis. Tente evitar o uso dessas ferramentas térmicas e quando for usar, use um protetor térmico adequado para seu cabelo.

Veja mais: Dê volume aos cabelos de forma natural com esses remédios caseiros

4. Água quente na hora de lava o cabelo

A água muito quente pode ressecar o fios. E reforçando o que foi dito sobre as ferramentas acima: calor em excesso resseca demais os fios, deixando-os frágeis e com mais risco de quebra. Então, na hora de lavar o cabelo tente deixar a água do chuveiro mais pro morno.

5. Lavar os cabelos com muita força

Na hora de lavar o cabelo, muita gente faz uma grande pressão nos movimentos dos dedos, achando que isso contribui para limpas melhor o couro cabeludo ou até limpar melhor as madeixas.

Entretanto, especialistas deixam claro que isso acaba enfraquecendo as fibras dos cabelos e os fragiliza, deixando-os mais suscetíveis a quebra. O indicado é usar sempre movimentos leves e circulares.

Veja mais: Saiba como a linhaça dá um crescimento inacreditável ao seu cabelo

7. Dormir de cabelo molhado

Dormir de cabelo molhado permite que a fricção com o travesseiro quebre os fios, que estão mais enfraquecidos. O mesmo vale para prendê-los enquanto estão molhados. Sendo assim, evite lavar o cabelo antes de dormir e se não tiver jeito, use um secador para agilizar o processo, utilizando sempre o seu protetor térmico.

8. Prender o cabelo sempre do jeito errado

O ideal é não prender o cabelo sempre do mesmo jeito, toda vez que você precisar prendê-lo. Já que isso facilita a quebra do fio bem no local q você prende.

Assim, também nunca prenda os fios de forma apertada, passe a utilizar elásticos, famosas “xuxas”, de cetim ou presilhas com dentes, pois deixa os fios mais soltinhos.

Veja mais: Aprenda essas técnicas para acabar de vez com os cabelos ressecados

O melhor tratamento é o cuidado

A verdade é só uma: Cabelos saudáveis e forte não vão quebrar com muita facilidade. Por isso, tenha sempre a melhor rotina de cuidados, se atentando as necessidades para seu tipo de cabelo.

Um cronograma capilar também é bom para cuidar dos seus fios. Pois, tem hidratações, nutrições e reconstruções regulares ajuda a repor as vitaminas e nutrientes perdidos e assim fortalece a fibra capilar, sela as cutículas e repara os danos causados pelas químicas e outras agressões ao cabelo.

Veja mais: Hidratação: Como funciona essa etapa do cronograma capilar?

Veja mais