Operação policial apreendeu 380 botijões de gás em depósito clandestino em Lauro de Freitas

Autor:

Publicada em


Foto: Divulgação/Polícia Civil

peração da Polícia Civil apreendeu 380 botijões de gás em um depósito clandestino na cidade de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

De acordo com a Delegacia de Crimes Econômicos e Contra a Administração Pública (Dececap), policiais encontraram o local na segunda-feira (19), após o recebimento de uma denúncia anônima.

Ainda segundo a polícia, o dono do estabelecimento comercial foi autuado em flagrante e encaminhado para audiência de custódia. Os botijões estavam armazenados irregularmente, em um imóvel em obras, no bairro de Vida Nova.

Venda clandestina

Desde que o preço do gás de cozinha começou a subir periodicamente, a venda clandestina do produto na Bahia tem ganhado vários contornos e deixado a segurança dos consumidores em risco. Nem mesmo o cerco às revendas não autorizadas nos últimos anos tem conseguido barrar o comércio ilegal na capital do país.

Segundo estimativas da Associação Brasiliense das Empresas de Gás (Abrasgás) a proporção é de quase 10 revendas irregulares para cada uma legalizada.

O crescimento da atividade ilegal está ligado a pouca fiscalização da Agência Nacional de Petróleo (ANP), que só pode agir por denúncia, e de órgãos de fiscalização locais, como a Agência de Fiscalização (Agefis) e as administrações regionais, a quem cabe checar as licenças de funcionamento.