Prefeitura de Simões Filho inicia mapeamento de povos de terreiros e templos sagrados religiosos de matrizes africana

Autor: Redação

Publicada em


Povos de terreiros e templos sagrados religiosos de matrizes africana que ainda não realizaram o cadastramento para o censo municipal, realizado pela Prefeitura de Simões Filho, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e da Cidadania (Sedesc), deve procurar o órgão, localizado na Avenida Walter Aragão de Souza, ao lado do Mercado Municipal.

O mapeamento tem o objetivo conhecer as denominações de cada organização, as atividades específicas de cada povo e comunidade de terreiro e sua história, além de construir ações estruturadas para o reconhecimento, respeito e a promoção de políticas públicas voltadas para essas comunidades.

Para se inscrever, o representante legal da casa religiosa deve comparecer à Coordenação de Igualdade Racial, órgão vinculado à Sedesc, munido do CPF e do comprovante de residência em nome do líder da casa ou do próprio terreiro, além do comprovante de endereço da entidade.