Preso em Brasília, Geddel pede ao STF para ser transferido para Salvador

Autor: Do Aratu On, com informações do Globo

Publicada em


Foto: Agência Brasil

O ex-ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima (MDB-BA), pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) transferência do Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, para algum presídio em Salvador. Caberá ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, analisar o pedido. Fachin já cobrou uma série de informações para poder tomar uma decisão. Entre elas: se há vaga para Geddel em algum presídio em Salvador e condições de alojamento.

Caso das malas de dinheiro

Em maio deste ano, a ação penal na qual Geddel é réu no STF entrou na última fase antes do julgamento. O ex-ministro é réu no caso em que a Polícia Federal encontrou em Salvador malas com R$ 51 milhões. Concluída a fase de revisão, Geddel será julgado, podendo ser absolvido ou condenado.

Geddel Vieira Lima comandou a Secretaria de Governo entre maio e novembro de 2016, no governo Michel Temer. O político está preso desde 2017 na Papuda.

Segundo a Procuradoria Geral da República (PGR), os R$ 51 milhões apreendidos em Salvador têm origem criminosa: propinas da construtora Odebrecht; repasses do operador financeiro Lúcio Funaro; e desvios de políticos do MDB.