Enem 2015 vai acontecer em outubro; taxa de inscrição aumentou

O Enem também é pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies)

Autor: Correio

Publicada em


As inscrições devem começar às 10h do dia 25 de maio e terminar às 23h59 do dia 05 de junho. A taxa de inscrição aumentou e agora custa R$ 63, quase o dobro dos anos anteriores. Desde 2004, o ministério cobra R$ 35. Mesmo depois de o exame ser transformado em vestibular para as universidades federais, em 2009, o valor não havia sido alterado.

A nova taxa acompanha a inflação do período e os novos custos do exame. O reajuste atinge basicamente os estudantes oriundos de escolas privadas, uma vez que a maioria dos participantes tem isenção.

O governo vai criar uma restrição para que candidatos que tenham faltado ao exame só possam se inscrever novamente mediante pagamento de inscrição, mesmo que se encaixem nos perfis de isenção.

Horário da prova
Outra mudança será o horário de aplicação das provas, que acontecem meia hora mais tarde. Nos dias dos exames, os portões nos locais de provas serão abertos às 12h e fechados às 13h (horário de Brasília), mas as provas só terão início às 13h30.

Segundo o MEC, o tempo extra de meia hora será usado para procedimentos de segurança, como revista eletrônica. O edital com as informações sobre a prova deste ano será publicado na próxima segunda-feira (18). Mais de 6,1 milhões de candidatos fizeram as provas do Enem 2014.

Com os resultados do Enem, os inscritos podem concorrer a vagas nas universidades federais que integram o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), a bolsas do Prouni (Programa Universidade para Todos), a financiamentos do Fies (Programa de Financiamento Estudantil), além de poder usar a nota em diversos processos seletivos. A nota também pode ser utilizada para participação do programa de intercâmbio Ciência sem Fronteiras.