Reféns da escuridão: Moradores deixam de sair de casa por medo do breu em Simões Filho

A unica opção para os moradores do Residencial Alvorada, é ficar dentro de casa.

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Leitor/Simões Filho Online


Durante a noite, a unica opção para os moradores do Residencial Alvorada, é ficar dentro de casa, porque as ruas ficam na mais completa escuridão. O condomínio do Minha Casa, Minha Vida, fica localizado no bairro Simões Filho 1, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Ta tudo escuro, estamos pedindo socorro. A gente não sai de casa à noite. A administração do prefeito tá horrível”, avaliou a dona de casa Taise Santiago, de 29 anos.

Foto: Leitor/Simões Filho Online

Taise e todos os moradores do local afirmam que tentam cumprir todos os afazeres durante o dia para não precisar correr riscos durante a noite.

Há comunidade está as escuras há mais de um ano, mas, ainda assim, a Contribuição de Iluminação Pública (CIP), um imposto municipal cobrado mensalmente pela prefeitura nas faturas de energia, é pago pelos moradores. Porém vive em um breu em sua rua, que causa medo até de sair a porta da residência. “Pagamos nossos impostos”, desabafa Taise.

A situação vivida pelos moradores do Residencial Alvorada retrata é a realidade de todos os bairros de Simões Filho.

VEJA MAIS NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO