Renda Brasil: Veja quem poderá receber até dois valores do benefício

Renda Brasil: Veja quem poderá receber até dois valores do benefício
Renda Brasil: Veja quem poderá receber até dois valores do benefício – Reprodução

Renda Brasil: Veja quem poderá receber até dois valores do benefício. Um desenho preliminar do Renda Brasil, o novo programa do governo que vai substituir o Bolsa Família, prevê um orçamento anual de R$ 51,7 bilhões para pagar 57 milhões de pessoas que deve receber pelo novo programa, segundo proposta em discussão no Ministério da Economia.

O redesenho do programa propõe pagamento para cada beneficiários de R$ 200 a 300 reais mensais. Com isso, o benefício médio de R$ 190,16 pago pelo Bolsa atualmente subiria para R$ 232,31 pelo novo Renda Brasil.

Renda Brasil terá R$ 20 bilhões a mais que Bolsa Família

Alguns beneficiários poderão receber dois valores

Algumas pessoas poderão receber dois valores. Isso porque a equipe econômica avalia criar um voucher de R$ 250 por mês para crianças atendidas pelo novo programa Renda Brasil.

O objetivo é que os pais usem o dinheiro extra para pagar creches. Ou seja, além do valor de R$ de até R$ 300, o beneficiário poderá receber mais R$ 250 extra caso tenha criança em idade de creche. Essa proposta ainda está sendo avaliada pelo governo.

Renda Brasil vai ter 13° que foi prometido para o Bolsa família?

Critérios para receber pelo Renda Brasil

O principal requisito para receber pelo Renda Brasil será a condição de ser baixa renda e fazer parte do Cadastro Único. A proposta ainda está em estudo no governo, mas uma das ideias é mudar o conceito do programa: para ter acesso ao Bolsa Família, o candidato não pode trabalhar;

Já o “Renda Brasil” permitirá que o beneficiário tenha outra fonte de renda, mantendo o recebimento do benefício. O governo ainda está elaborando o regulamento completo do novo programa e deve ser revelado muito em breve.

Renda Brasil: Aposentados e pensionistas vão poder receber o benefício?

Pagamento do Renda Brasil

A equipe econômica já decidiu que quer a Caixa Econômica fazendo os pagamentos do novo programa, segundo apurou o Informe Brasil. O modelo será o mesmo do Bolsa Família e terá um cartão magnético para cada beneficiário.

Para Maia, programa Renda Brasil ‘é mais do mesmo’

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), classificou o Renda Brasil como “mais do mesmo”. Em entrevista à Globo News neste domingo, o parlamentar disse que o programa que está sendo gestado pelo governo de Jair Bolsonaro em substituição ao Bolsa Família apenas unifica benefícios e não cumpre o papel de garantir a “mobilidade social” dos mais pobres.

Programa de emprego dará prioridade aos beneficiários do Renda Brasil

“O Renda Brasil é mais do mesmo. É unificar o que já existe de programa, ampliar o valor médio de R$ 180 para R$ 230 e manter isso como programa de transferência de renda. Nós precisamos ir além do programa de transferência de renda. Precisamos ter uma parte de recurso de transferência para garantir que nenhum brasileiro fique abaixo da linha da pobreza e somar isso a uma variável que a gente estimule a mobilidade social das famílias”, disse.

Maia defende que, além de transferir renda, o governo também deve oferecer “prêmios” à população de baixa renda que cumprir algumas etapas da organização familiar para aprimoramento dos estudos e inserção no mercado de trabalho, por exemplo.

Ministro da economia dia que Renda Brasil terá valor maior que Bolsa Família

Fonte: Informe Brasil

Veja mais