Salvador, Simões Filho, Lauro de Freitas e Camaçari sofrem com a chuva

A situação é de alerta porque a chuva deve se prolongar por várias horas consecutivas

Autor: Redação

Publicada em


A cidade Salvador e Região Metropolitana amanheceu sob forte chuva nesta segunda-feira (27).  A situação é de alerta porque a chuva deve se prolongar por várias horas consecutivas agravando os problemas que a chuva forte já causou no domingo (26).

 A chuva volumosa na Bahia é destaque neste início de semana. Uma nova frente fria chegou ao litoral baiano e estimula a formação de nuvens carregadas no litoral e também pelo interior do Estado. Salvador teve muita chuva durante o domingo, 26. Vários bairros sofreram com alagamentos e deslizamento de terreno. Segundo medições do Cemaden (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais), choveu mais de 100 mm em algumas áreas da capital baiana.

Motoristas que trafegam pela BR-324 encontram dificuldades. Além da rodovia está alagada, um protesto piora o trânsito, que está travado no momento. Um grupo com cerca de 200 pessoas fechou o trânsito na manhã desta segunda-feira (27) na BR-324, na região Jaqueira do Carneiro. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a manifestação começou por volta das 6h30, quando os manifestantes fecharam apenas um sentido da via. Depois das 7h, o grupo resolveu fechar os dois sentidos da rodovia. Ainda de acordo com a PRF, o trânsito no local está parado. O grupo protesta contra os alagamentos em casas por conta da chuva. Eles alegam que o escoamento da água foi prejudicado após a CCR Metrô Bahia implantar duas manilhas na localidade no início deste ano, durante a construção da estação de metrô Pirajá.

Veja também: Tragédia: Três morrem e 12 ficam soterrados em Salvador

Em Simões Filho, as principais ruas e avenidas estão com tráfego lento, também por conta da chuva. Mesmo com o temporal, Israel Frederico, coordenador da Defesa Civil, informou que o município não registrou ocorrências. Na cidade, são esperados 50 milímetros de chuva nesta segunda, com previsão de chuva à tarde e principalmente à noite. Durante a semana, deve chover mais na cidade.

Em Lauro de Freitas, também tem alagamento, na Estrada do Coco, e nas principais ruas, como na Avenida Luiz Tarquínio, saída de Vilas do Atlântico e demais pontos periféricos do município. A Defesa Civil não informou o número de ocorrências. O órgão declarou que até o momento recebe ligações (locais) pelo 199, e que as ocorrências registradas são na maioria alagamentos sem gravidade.

Em Camaçari, a entrada e saída da Avenida Jorge Amado estão interditadas. A Defesa Civil local registrou 30 ocorrências, com três deslizamentos. Até o momento, nenhum grave. Na cidade, são esperados 15 milímetros de chuva nesta segunda, com previsão de chuva à tarde e principalmente à noite.

Em Camaçari