Secretário sofre sequestro relâmpago e é deixado em Camaçari

Autor: Correio*

Publicada em


O secretário de governo da prefeitura de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, Lula Maciel (PT), foi vítima de um sequestro relâmpago na madrugada deste sábado (11). Ele deixava o edifício Empresarial Torres, na Rua Silvadir F. Chaves, no centro da cidade, acompanhado de dois assessores, quando foi abordado por três bandidos.

De acordo com a 52ª Companhia Independente da Polícia Militar (Lauro de Freitas), os três suspeitos levaram as vítimas dentro do próprio veículo de Lula – uma Mitsubishi L200 prata (placa PJQ-1420) – e seguiram pela Estrada do Coco, sentido Salvador. Os dois assessores que estavam com ele foram identificados como Marzo Barreto Santos e André Marter Primo, segundo a polícia.

O consultor ambiental Ronaldo Lopes, amigo do secretário, contou que os assaltantes queriam a caminhonete. Mas, além do veículo, os suspeitos roubaram outros pertences das vítimas. “Levaram tudo. Relógio, aliança, objetos pessoais, celular. Depois, deixaram eles em Camaçari, num local que eles não conheciam”, afirmou.

O secretário Lula e os dois assessores foram liberados pelos bandidos por volta de 3h. De acordo com a polícia, eles estavam perto de uma localidade chamada Machadinho, no município de Camaçari, também na Região Metropolitana. As vítimas voltaram a pé para Lauro de Freitas, enquanto os bandidos fugiram com o carro.

A polícia foi informada do crime, tão logo aconteceu, por um vigilante do edifício. As buscas foram iniciadas após a denúncia. Informados do sequestro, familiares das três vítimas foram para a 23ª DT (Delegacia Territorial/Lauro de Freitas). Eles aguardavam informações dos policiais quando os três chegaram caminhando à delegacia, por volta das 5h30. Eles não ficaram feridos. Policiais fazem buscas para localizar o veículo levado durante o sequestro relâmpago e os assaltantes. Até o início da manhã deste sábado, nenhum deles havia sido localizado.

Correio*