SENAI e TECSIS abrem nova selecao com 450 vagas de Operador de Produção

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


A remuneração inicial é de R$ 984 (novecentos e oitenta e quatro reais) e, após o período de experiência, será de R$1.085 (mil e trinta e cinco reais).

O SENAI-BA está com inscrições abertas para processo seletivo público para preencher 450 vagas no curso de formação de operador de produção de compósitos. As inscrições seguem até o dia 12 de abril de 2016.

O curso possui carga horária de 70h realizadas em modalidade presencial na unidade SENAI de Camaçari, com aulas de segunda a sexta-feira, e, quando necessário, aos sábados.

Os candidatos devem ter, no mínimo, 18 anos na data da inscrição no processo seletivo e ensino fundamental II (ou equivalente) concluído.

Após a aprovação em todas as etapas, os alunos certificados poderão ser contratados como operadores de produção de compósitos pela TECSIS, empresa brasileira líder na fabricação de pás para turbinas eólicas, que está se instalando em Camaçari.

A remuneração inicial é de R$ 984 (novecentos e oitenta e quatro reais) e, após o período de experiência, será de R$1.085 (mil e trinta e cinco reais). Aos contratados, a TECSIS ainda oferecerá transporte, refeição, assistência médica e auxílio alimentação.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas exclusivamente via internet através do endereço www.fieb.org.br/senai até o dia 12 de abril de 2016 ou até atingir o limite de 6.500 inscritos.

Veja as vagas de empregos abertas

O processo seletivo será constituído de seis etapas, de caráter eliminatório e classificatório. A primeira etapa do processo seletivo será uma análise curricular, que terá como critérios de desempate: a) ser morador do município de Camaçari há, pelo menos, dois anos e b) maior tempo de experiência em área industrial ou ter desenvolvido atividades nas áreas de Pintura, Funilaria, Mecânica de Automóveis, Construção Civil, Almoxarifado, Armazenagem e Estoque, Panificação ou outras atividades semelhantes. A segunda etapa será uma prova escrita, agendada para 1º de maio, contendo questões de Língua Portuguesa e Matemática. As demais etapas são dinâmica de grupo, avaliação psicológica, exames médicos e entrevista sociofuncional, além do próprio curso de formação.  O curso certificará os alunos que obtiverem 100% de frequência e nota igual ou superior a 7,0 (sete).