Simões Filho: Arraiá das Viúvas já tem data para acontecer em 2019

Autor: Redação

Publicada em


A ‘Festa de São Pedro’, o tradicional Arraiá das Viúvas, deve ser realizado em 2019. A informação foi confirmada pela Prefeitura Municipal de Simões Filho, através de um decreto municipal publicado nesta sexta-feira (28/12), no Diário Oficial do Município, que revela o calendário de eventos que serão realizados na cidade.

Segundo o documento, o Arraiá das Viúvas vai acontece de 28 e 30 de junho (sexta, sábado e domingo, respectivamente) e provavelmente deve atrair uma multidão para a Praça da Bíblia, já que o evento não é realizado há quatro anos.

LEIA MAIS: Veja calendário oficial de festas em Simões Filho

Além do Arraiá da Viúvas, a celebração do Yahweh Shamma também está confirmada, porém, a data ainda não foi anunciada.

Sem Arraiá em 2018

Este ano, o Arraiá das Viúvas não foi realizado. No dia 28 de maio, o prefeito Diógenes Tolentino (MDB), reuniu a imprensa local e decretou Estado de Emergência na cidade, e em consequência, o cancelamento da festa do São Pedro, popularmente conhecida como Arraiá das Viúvas. Algumas atrações nacionais como Luan Santana, Naiara Azevedo, Flávio José, Gabriel Diniz, já tinham sido confirmadas.

Sem Arraiá em 2017
No ano passado, a principal festa da cidade não foi realizada. Na oportunidade, Dinha disse que a festa não seria realizada por não dispor de orçamento diante das diversas necessidades do município.

Sem Arraiá em 2016
Em 2016 a cidade também não contou com a apresentação do Arraiá da Viúvas. O secretário de Cultura da época, Walter Mangabeira, disse que o cenário de crise econômica prejudicou a realização do evento.

Sem Arraiá em 2015

Já em 2015, o “Arraia das Viúvas” foi cancelado, segundo o então Prefeito Eduardo Alencar, a decisão se deu em razão das fortes chuvas, que provocaram deslizamento de terras, inumações, desabamentos em alguns bairros do município. Na oportunidade, foi decretada situação de emergência na cidade.

O Arraiá das Viúvas

O ‘Arraiá das Viúvas’ acontece tradicionalmente na Praça da Bíblia – centro da cidade – o evento já teve 33 edições. Segundo Apolinário da Hora, no livro “Água Comprida”, o São Pedro na cidade era comemorado com apresentação de quadrilhas tradicionais e ao som de sanfoneiros que tocavam a noite e visitavam as casas, escolhendo depois casas de famílias tradicionais para amanhecer o dia tocando, soltando fogos e saboreando comidas típicas. A festa que era marcada pela fraternidade e hospitalidade dos moradores passou a ser um momento onde as viúvas mais antigas do município se reuniam em uma data especifica (o dia 29 de junho), e comemorava o dia do seu padroeiro. Por isso, o nome “Arraia das Viúvas”.