Simões Filho: Donos de micro-ônibus recolhem frota após ataques

Autor: Redação Simões Filho Online | Foto e vídeo Simões Filho Em Pauta

Publicada em


O sábado continua tenso em Simões Filho, na região metropolitana de Salvador. Os micro-ônibus que realizam o transporte municipal não estão circulando na cidade.

Os donos de micro-ônibus resolveram recolher toda a frota de veículos com medo de novos ataques. Motoristas alegam clima de insegurança e dizem que só retornam ao trabalho se houver condições. Não há prazo para normalizar o transporte público no municipio. Já os ônibus da Expresso Metropolitano vão rodar até às 18 horas.

Ônibus queimados

Os veículos foram incendiados neste sábado, 14, em horários diferentes. O primeiro ataque ocorreu por volta das 4h30, na avenida Elmo Cerejo Farias, no Cia 1. Um dos ônibus foi queimado em frente a um ponto de ônibus e o outro, em frente ao Supermercado Supercia.

Duas horas depois, um micro-ônibus do Subsistema de Transporte Especial Complementar (Stec) foi incendiado no Laboré. Ninguém ficou ferido.

A Secretaria da Segurança Pública esclarece que as ocorrências foram represálias por conta de uma operação realizada pela polícia que resultou na morte de um suspeito. A polícia informou que no início da noite de ontem, cerca de 20 homens armados começaram a atirar em uma guarnição da PM. Houve troca de tiros e um homem foi morto.