Simões Filho: Primeira-dama Kátia Oliveira é diplomada deputada estadual

Autor: Redação

Publicada em


A primeira-dama de Simões Filho, Kátia Oliveira (MDB) foi diplomada deputada estadual na tarde desta segunda-feira (17/12). A cerimônia, realizada no Teatro Castro Alves, foi presidida pelo presidente da Corte Eleitoral, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano.

Kátia Oliveira recebeu o diploma das mãos do juiz Rui Carlos Barata Filho. Nas eleições deste ano, Kátia Oliveira obteve 27 mil votos na Bahia. Em Simões Filho, a deputada estadual diplomada recebeu 15.134 votos.

Solenidade

Ao dar início à cerimônia de diplomação, o presidente do TRE-BA agradeceu a presença de todos, em especial aos membros da Corte e servidores pela “contribuição, entrega e dedicação”.

“Vossas Excelências devem ser, na melhor acepção do termo, servidores públicos. A partir do dia 1º de janeiro de 2019, cada um de vocês terá oportunidade de traduzir as expectativas que os trouxeram até aqui em ações concretas, em favor da construção de um grande estado, com mais justiça, menos desigualdades, mais respeito à coisa pública, menos decepções”

Na sessão solene, o ex-prefeito de Simões Filho, Eduardo Alencar (PSD) também recebeu o diploma. Já o governador Rui Costa (PT) e seu vice, João Leão (PP) foram diplomados, respectivamente, pelo presidente do TRE baiano, desembargador Rotondano, e pelo vice-presidente e corregedor do TRE, desembargador Jatahy Júnior. Os senadores Jaques Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD) também receberam o diploma das mãos do presidente. Os deputados federais e estaduais e seus suplentes foram diplomados pelos demais componentes da mesa.

Ao concluir seu discurso, o desembargador Rotondano ressaltou que os diplomandos foram eleitos pela comuna baiana para, em seu nome, “realizar a enorme tarefa de construir e resgatar esperanças de melhores dias e futuro promissor. Enorme e bela missão a qual não vos é dada a opção de falhar, mas somente a de, a todo custo, executá-la e vencê-la.”

Prevista no artigo 215 do Código Eleitoral, a diplomação é considerada o último ato do processo eleitoral e atesta que o candidato foi efetivamente eleito e está apto a tomar posse no cargo.