Simões Filho: Secretaria de Habitação vai divulgar lista de dossiês aprovados no Minha Casa Minha Vida

Vai disponibilizar os nomes de milhares de pessoas que já estão aprovadas

Autor: Simões Filho Online

Publicada em


O secretário de Habitação de Simões Filho, João Augusto Ribeiro Leal, conhecido popularmente com João Contador, divulgou, na manhã desta terça-feira (17), que vai disponibilizar os nomes de milhares de pessoas que já possuem dossiês aprovados pela Caixa Econômica Federal no Programa Minha Casa, Minha Vida. A informação foi divulgada durante em entrevista ao Radialista Jairo Mascarenhas, no programa Bom Dia Simões Filho, na Radio Simões Filho FM.

Segundo João, uma lista com milhares de nomes aprovados será divulgados nesta quarta-feira (18), na Secretaria de  Habitação do município. “Todos os dossiês que foram encaminhados para Caixa e que foram aprovados pela Caixa, nós vamos está disponibilizando na secretaria amanhã, quarta-feira, para que as pessoas tenham acesso a essa lista e saber se seu nome está  lá ou não. Caso o nome esteja na lista, vamos, dentro das prioridades previstas na Lei fazer um processo de seleção para encaminhar a caixa para o sorteio”, declarou.

João Contador também disse que vai atender cerca de 1 mil pessoas na Secretária de Habitação do Município.

O secretário reconheceu que há uma grande demanda em torno do programa e pediu o apoio da população da cidade, e destacou que precisa de um tempo para avaliar caso a caso. “As pessoas que já entregaram suas documentações e não tenha o nome nesta lista, eu vou pedir um tempo para que eu descubra, faça uma pesquisa, se esse dossiê está na Caixa ou está aqui nos arquivos do Centro Social. O que peço a vocês é paciência, pois, eu não tenho condições de resolver as coisas em um dia, dois dias”, solicitou.

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO

Ainda durante a entrevista, Contador revelou para o apresentador Jairo Mascarenhas, que vai fazer um pente fino. Pois só tem cerca de 130 apartamento que estão pendentes de sorteio. “Vamos fazer um pente fino dentro do que prevê a Lei, para que a gente posso enviar para sorteio na Caixa Econômica Federal , levando em consideração as prioridades. A gente não está dizendo que quem está na lista vai receber. Deus é quem sabe. É sorteio”, frisou.