Veja os cuidados com a alimentação no Carnaval

Autor: Redação

Publicada em


Veja os cuidados com a alimentação no Carnaval.
Veja os cuidados com a alimentação no Carnaval.

Veja os cuidados com a alimentação no Carnaval.

O sol é um excelente aliado para ativar a vitamina D em nosso organismo, entretanto, no Verão os cuidados com a exposição à luz solar devem ser redobrados. Com a alimentação também. É preciso ter muita atenção ao comer em praças de alimentação de shows, em festas populares, camarotes ou espaços carnavalescos.

“É fundamental verificar a higiene do local, o estado de conservação, a validade dos alimentos, além de observar se a comida está sendo manipulada de forma adequada”, alerta Hemanuele Gouveia, nutricionista da Clínica Personal, da Central Nacional Unimed, em Salvador.

Esse cuidado pode evitar infecções intestinais e outros problemas de saúde. Apesar de muita gente ainda acreditar que é preciso comer comida pesada para ter energia nas festas populares e durante o Carnaval, o bom senso recomenda dar preferência a alimentos mais leves. “Não que seja proibido comer feijoada no Verão ou no Carnaval, mas é preciso ter cautela, porque esse não é um alimento de fácil digestão”, destaca a nutricionista.

Hemanuele Gouveia recomenda ainda o cuidado com o consumo de energéticos e bebidas alcóolicas. “Ficar muitas horas sem comer também não é recomendável, porque pode acarretar problemas gástricos, e a energia para aproveitar o Verão e as festas desta época do ano deve ser proveniente de uma alimentação saudável”, ensina.

Ter uma alimentação equilibrada ajuda a manter a saúde não apenas no Verão, mas em todas as estações do ano. “Dê preferência aos alimentos naturais e evite industrializados. Com uma alimentação balanceada, o bronzeado também pode ser mais fácil e durar mais tempo. Alimentos ricos em carotenoides, como cenoura, abóbora, batata doce, mamão, além de ajudar na saúde da pele e no bronzeado, também melhoram a imunidade.

Beber muita água

Para evitar a desidratação é importante manter um bom consumo de água. A quantidade ideal para cada pessoa é diferente, porém, beber de 2 a 3 litros de água por dia pode ser suficiente para hidratar o corpo. “Não substitua a água por bebidas alcoólicas, refrigerantes ou outros líquidos açucarados. Preste atenção em sintomas como dor de cabeça e boca seca, que podem indicar desidratação, alerta Hemanuele Gouveia.